Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das condições microbiológicas e físico-químicas da água de reservatório domiciliar e predial: importância e dimensão dessa água no contexto da saúde pública

Processo: 07/59901-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2008
Vigência (Término): 30 de abril de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Susana Segura Muñoz
Beneficiário:Fabiana Cristina Julião
Instituição-sede: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/55788-8 - Remoção de parasitas, bactérias e metais pesados em esgoto submetido a tratamento por lodos ativados, AP.JP
Assunto(s):Metais pesados   Água   Contaminação   Análise microbiológica   Análise parasitológica

Resumo

A água é uma necessidade vital para qualquer ser vivo, sendo utilizada para inúmeras finalidades, entre elas, para atender o consumo diário da população. É captada de rios, lagos e reservas subterrâneas e encaminhada para e Estação de Tratamento de Água (ETA) onde recebe tratamento adequado e, posteriormente é bombeada para a rede de abastecimento, incluindo domicílios e instalações prediais, públicas e privadas, dentre elas, as Unidades Básicas de Saúde. Nestes locais a água permanece armazenada em reservatórios específicos, habitualmente denominados de caixas d'água. A ausência de cuidados mínimos pode transformar esses reservatórios em fontes de impurezas, conseqüentemente armazenando água de qualidade inadequada para o consumo humano. Muitas doenças de veiculação hídrica podem afetar a saúde da população que faz uso de água impura e contaminada proveniente de caixas d'água, como por exemplo, as parasitoses intestinais e enterites. O presente estudo tem por objetivo analisar os níveis de metais pesados presentes na água, caracterizar os parasitas e bactérias e quantificar o pH das águas provenientes dos reservatórios e da torneira mais utilizada em alguns domicílios e instalações prediais de Unidades Básicas de Saúde do município de Ribeirão Preto - SP. As amostras serão coletadas aleatoriamente. Os metais serão analisados por Espectrofotometria de Absorção Atômica. A análise parasitológica será realizada pelo método de sedimentação, a quantificação será realizada na câmara de Sedgwick-Raffer. A análise para contaminação bacteriana será realizada a partir do teste P/A (Presença ou Ausência) e a quantificação, através da técnica dos Tubos Múltiplos. As técnicas espectrofotométricas serão realizadas no Laboratório de Pediatria - Setor de Metais do Hospital das Clinicas de Ribeirão Preto e as análises parasitológicas e bacteriológicas no Laboratório de Saúde Ambiental e Parasitologia Ambiental da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto. Cabe destacar que o presente estudo dará continuidade e complementaridade aos trabalhos que vêm sendo desenvolvidos no Laboratório de Saúde Ambiental da EERP, desde 2004, com auxílio da FAPESP. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FABIANA CRISTINA JULIÃO. Avaliação das condições microbiológicas e físico-químicas da água de reservatório domiciliar e predial: importância da qualidade dessa água no contexto da saúde pública. 2011. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.