Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo dose-resposta e perfil de expressão gênica do herbicida diuron (3-(3,4-dichlorophenyl)-1,1-dimethylurea) em bexiga urinária de Ratos Wistar machos

Processo: 08/55644-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2008
Vigência (Término): 28 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:João Lauro Viana de Camargo
Beneficiário:Shadia Muhammad Ihlaseh
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/60506-1 - Praguicidas agrícolas como fator de risco: avaliações toxicopatológica, imunológica, molecular e analítica em modelos experimentais de exposição única e combinada, AP.TEM
Assunto(s):Metabólitos   Bexiga urinária   Neoplasias da bexiga   Expressão gênica

Resumo

O Diuron (3-(3,4-dichlorophenyl)-1,1-dimethylurea) é um herbicida derivado da uréia, utilizado nas culturas de soja, algodão e cana de açúcar. Altas concentrações deste herbicida na ração (2500ppm) são cancerígenas para a bexiga e pelve renal de ratos e pele e mama de camundongos. Este agente foi classificado pela United States Enviromental Protection Agency (2004) como "provável cancerígeno para a espécie humana". Em estudo prévio, observamos focos de necrose grave no urotélio vesical de ratos Wistar machos tratados com Diuron 2500ppm durante 20 semanas, associados a aumento do índice de proliferação celular e da incidência de hiperplasia simples. Não há informações disponíveis sobre o modo de ação envolvido nos efeitos tóxicos e cancerígenos do Diuron. O presente estudo objetiva registrar eventual efeito dose-resposta do Diuron no urotélio de ratos Wistar machos, identificar vias moleculares envolvidas no processo de carcinogênese urotelial e, se possível, estabelecer o NOAEL (No Observable Adverse Effect Levei) para os efeitos adversos do herbicida. Os animais serão separados em 6 grupos experimentais, recebendo Diuron nas concentrações 0, 60, 125, 500, 1250 e 2500 ppm na ração durante 20 semanas. Após o sacrifício, serão realizadas histologia da mucosa vesical, determinação dos índices de proliferação celular por imunohistoquímica, análise de cito toxicidade e de sedimento urinário por microscopia eletrônica por varredura e dosagem do Diuron e de seus metabólitos diclorofenil e dicloroanilina na urina por cromatografia líquida (HPLC/UV). A pesquisa das vias moleculares envolvidas na carcinogênese urotelial será realizada por cDNA microarray em três momentos experimentais (1a, 3a e 20a semanas). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
IHLASEH-CATALANO, SHADIA M.; BAILEY, KATHRYN A.; CARDOSO, ANA PAULA F.; REN, HONGZU; FRY, REBECCA C.; DE CAMARGO, JOAO LAURO V.; WOLF, DOUGLAS C. Dose and temporal effects on gene expression profiles of urothelial cells from rats exposed to diuron. Toxicology, v. 325, p. 21-30, NOV 5 2014. Citações Web of Science: 2.
IHLASEH, SHADIA M.; BAILEY, KATHRYN A.; HESTER, SUSAN D.; JONES, CARLTON; REN, HONGZU; CARDOSO, ANA PAULA F.; OLIVEIRA, MARIA LUIZA C. S.; WOLF, DOUGLAS C.; DE CAMARGO, JOAO LAURO V. Transcriptional Profile of Diuron-Induced Toxicity on the Urinary Bladder of Male Wistar Rats to Inform Mode of Action. TOXICOLOGICAL SCIENCES, v. 122, n. 2, p. 330-338, AUG 2011. Citações Web of Science: 13.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SHADIA MUHAMMAD IHLASEH. Estudo dose-resposta e perfil de expressão gênica do herbicida diuron [3-(3,4-diclofenil)-1,1-dimetiluréia] em bexiga urinária de ratos wistar machos. 2011. 106 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Medicina. Botucatu.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.