Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do perfil de fatores de transcrição e miRNAs envolvidos na eritropoese in vitro de pacientes com talassemia beta intermediária e anemia falciforme

Processo: 08/56470-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Fernando Ferreira Costa
Beneficiário:Regiane Aparecida Ferreira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Anemia falciforme   Talassemia beta   Eritropoese   Fatores de transcrição   MicroRNAs

Resumo

Entre as hemoglobinopatias hereditárias mais freqüentes no Brasil, três delas recebem maior destaque: a hemoglobina S, a hemoglobina C e as talassemias. A anemia falciforme está representada no grupo das doenças da hemoglobina S, sendo determinada pela homozigose desta hemoglobina e pela alteração molecular primária de uma adenina (A) por uma timina (T). As talassemias beta são caracterizadas pela redução parcial ou completa da síntese de uma ou mais cadeias da globina beta. Estudos relacionam a proteína LM02 como parte integrante do complexo transcricional multimérico que inclui GATA1 e seu co-fator FOG1, TAL1, NLI e PU1. Estas proteínas, isoladas ou em associação, se ligam a promotores específicos e regulam a expressão de genes que executam o programa de diferenciação eritropoética. Além disso, um mecanismo recém descoberto por meio do qual os fatores de transcrição regulam o desenvolvimento eritropoético é via microRNA caracterizados por agirem como potentes reguladores pós-transcricionais da expressão gênica. Dentre os microRNAs envolvidos no processo eritropoético destacam-se miR144, miR451, miR221, miR222, miR223, miR155 e miR24, sendo este último associado ao receptor humano ALK4, uma importante proteína trans-membrana responsável por modular a proliferação e diferenciação eritróide. Levando em consideração os mecanismos moduladores envolvidos no processo eritropoético, este trabalho tem por objetivo principal analisar o perfil de expressão de fatores de transcrição e de miRNAs em doenças beta-talassêmicas e anemia falciforme, na tentativa de elucidar o processo, a nível transcricional e pós-transcricional, durante a eritropoese normal e ineficaz. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FERREIRA, Regiane Aparecida. Análise do perfil de expressão de fatores de transcrição e miRNAs em reticulócitos de pacientes com talassemia beta intermediária e anemia falciforme. 2010. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Ciências Médicas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.