Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelagem topológica da possessão: sujeito e alteridade na umbanda

Processo: 08/58556-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:José Francisco Miguel Henriques Bairrão
Beneficiário:Daniela Bueno de Oliveira Américo de Godoy
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Etnopsicologia   Psicanálise   Topologia   Corporeidade   Mediunidade   Possessão espiritual   Umbanda

Resumo

Busca-se elaborar um meio para se pensar o sujeito situado no corpo, de modo que a noção de racionalidade não fique restrita ao intelecto, mas seja ampliada aos sentidos apreendidos e produzidos corporalmente. Com base em aplicações da topologia em psicanálise inauguradas por Lacan será investigada a possibilidade de se usar quatro estruturas topológicas (Faixa de Moebius, Toro, Garrafa de Klein e Cross-Cap) para construir e avaliar modelos interpretativos de performances mediúnicas umbandistas. Para tanto, faz-se necessário a explicitação dos componentes psicanalíticos que possibilitam o cálculo das diversas operações simbólicas encarnadas no corpo durante o processo de transe mediúnico. Isso porque são os operadores lacanianos tais como: inconsciente, outro, sujeito, pulsão, objeto a que, interpretados à luz da lógica matemática, sustentam teoricamente o caminho percorrido pelo significante do outro ao sujeito e vice-versa, a partir de marcações corporais que se encontram no limite entre o simbólico e o real (letras). Os modelos topológicos serão construídos em consonância aos tipos de espacialidade intrínsecos aos circuitos pulsionais. Os dados colhidos mediante pesquisa participante em terreiros umbandistas serão analisados qualitativamente ao se considerar os elementos cinéticos característicos dos fenômenos de incorporação e os sentidos relativos a eles advindos na forma de relato que os médiuns lhes associarem. Visa-se contribuir para a produção de um método de análise dirigido ao estudo do transe de possessão na umbanda que não se restrinja a dados verbais. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
GODOY, Daniela Bueno de Oliveira Américo de. Modelagem topológica da possessão: sujeito e alteridade na umbanda. 2012. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.