Busca avançada
Ano de início
Entree

Os novos espacos de acumulacao das multilatinas e as redefinicoes nas relacoes sul-sul

Processo: 08/58062-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2009
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Regional
Pesquisador responsável:Eliseu Savério Sposito
Beneficiário:Leandro Bruno Santos
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:04/16069-0 - O mapa da indústria no início do século XXI: diferentes paradigmas para a leitura territorial da dinâmica econômica no estado de São Paulo, AP.TEM
Assunto(s):Produção do espaço   América Latina

Resumo

O principal objetivo que norteia este projeto de pesquisa é analisar o papel desempenhado pelas multinacionais de origem latino-americana, as Multilatinas, no processo de centralização e concentração de capital mundial e nas relações Sul-Sul desde os anos 1990, com destaque às estratégias de localização espacial dos investimentos, às formas de investimento, aos ramos escolhidos, e ao papel dos empresários inovadores e dos Estados no apoio à internacionalização de empresas. As Multilatinas escolhidas atuam no setor industrial e estão situadas nos países que estão, atualmente, à frente dos investimentos diretos estrangeiros, Brasil, México, Chile e Argentina. O encaminhamento teórico escolhido procura integrar, por meio do acirramento da concorrência oligopólica, os pressupostos marxianos de concentração e centralização de capital, decorrentes da premência da acumulação, e a perspectiva schumpeteriana de empresário inovador e destruição criativa. Serão utilizados dados secundários do database da Unctad, dos Reports disponibilizados pela Unctad, Cepal, OCDE e Boston Consulting Group, dos balanços anuais das empresas e das informações contidas na Revista América Economia, ao passo que dados primários serão levantados com questionários envidados às empresas e entrevistas com pesquisadores e confederações das indústrias dos países selecionados. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Leandro Bruno. Estado, industrialização e os espaços de acumulação das Multilatinas. 2012. 541 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências e Tecnologia. Presidente Prudente.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.