Busca avançada
Ano de início
Entree

Regulação da expressão gênica de TXNIP, inibidora fisiológica da tiorredoxina, sob estímulo de espécies reativas do oxigênio e do nitrogênio: dependência da ativação de MAP quinases

Processo: 09/50708-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2009
Vigência (Término): 31 de outubro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Hugo Pequeno Monteiro
Beneficiário:Fernando Toshio Ogata
Instituição-sede: Centro de Terapia Celular e Molecular. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Transdução de sinais   Radicais livres   Expressão gênica

Resumo

A Tiorredoxina (TRX-1) é um proteína multifuncional, constituída de 105 resíduos de aminoácidos.com fundamental importância na fisiologia celular uma vez que sua função principal é o balanço redox do meio intracelular, ora agindo como agente redutor, ora como agente oxidante. Devido a esta multifuncionalidade, a TRX é encontrada no meio extracelular, no citoplasma e no núcleo das células. Dada a relevância desta função, meios de regular a atividade de TRX-1 também são importantes. Nosso grupo de pesquisa tem como foco a migração nuclear da TRX-1 mediante ao estresse provocado por espécies reativas (do oxigênio ou do nitrogênio) e e as relações deste evento com a sobrevivência ou morte celular. Nestes estudos mostramos que a migração nuclear da TRX-1 estimulada pelo estresse de natureza oxidativa estava associada a ativação da via Ras - ERK1/2 MAP quinases (Arai, et al., 2006 e 2008). O conjunto destas observações nos levaram a investigar a proteína reguladora fisiológica de TRX-1, a TXNIP (Thioredoxin binding protein). Tanto os trabalhos desenvolvidos e publicados pelo grupo, como aqueles publicados na literatura especializada, nos levaram à hipótese de que o controle da expressão da TXNIP deve ser importante para o controle das funções redox ,e sinalizadoras da TRX-1 (Junn, et al., 2000). Tendo em vista este cenário, estamos nos propondo a estudar: (1) O(s) mecanismo(s) celular(es) envolvidos nas regulações pré e pós traduciõnais da TXNIP; (2) A interação TRX-1 :TXNIP tanto in vitro como in vivo, em condições de estresse oxidativo e/ou nitrosativo para determinar qual condição favorece esta interação; (3) Por fim, procuraremos determinar se a localização nuclear da TXNIP favorece a migração nuclear da TRX-1 para este compartimento. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OGATA, FERNANDO TOSHIO; BATISTA, WAGNER LUIZ; SARTORI, ADRIANO; GESTEIRA, TARSIS FERREIRA; MASUTANI, HIROSHI; ARAI, ROBERTO JUN; YODOI, JUNJI; STERN, ARNOLD; MONTEIRO, HUGO PEQUENO. Nitrosative/Oxidative Stress Conditions Regulate Thioredoxin-Interacting Protein (TXNIP) Expression and Thioredoxin-1 (TRX-1) Nuclear Localization. PLoS One, v. 8, n. 12 DEC 20 2013. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.