Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da organização e maturação neuronais no hipocampo de ratos após anóxia neonatal

Processo: 09/51557-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2010
Vigência (Término): 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Anatomia
Pesquisador responsável:Maria Inês Nogueira
Beneficiário:Silvia Honda Takada
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Imuno-histoquímica   Neurogênese

Resumo

A anóxia neonatal, considerada problema clínico mundial, é uma das mais importantes causas de lesão encefálica em neonatos e pode apresentar conseqüências graves e duradouras. A patofisiologia das seqüelas da anóxia neonatal ainda não está bem documentada, mas sabe-se que agressões ao sistema nervoso central em desenvolvimento de mamíferos podem prejudicar etapas importantes, como a neurogênese, que durante muitos anos foi vista como fenômeno restrito ao início do desenvolvimento encefálico de mamíferos, e atualmente tem sido estudada em regiões específicas do encéfalo adulto de vertebrados, como o hipocampo e o bulbo olfatório. Assim, com este estudo objetivamos analisar longitudinalmente possíveis alterações na maturação e organização neuronal no hipocampo decorrentes da anóxia neonatal em ratos, já tendo sido visto em amplo estudo em nosso laboratório que o modelo utilizado acarreta alterações gliais e comportamentais. Serão utilizados 75 neonatos machos (Rattus novergicus, linhagem Wistar), com aproximadamente 30 horas de vida, divididos em grupos conforme a idade: P2, P7, P14, P21 e P60. Cada grupo será subdividido em Anóxia (n=6), Sham (n=6) e Basal (n=3). Para a anóxia, será utilizado sistema construído e validado em nosso laboratório (100% N2 gasoso, durante 25 minutos, a 35-37°C). A análise da proliferação e sobrevivência celulares será realizada com técnicas de imunoistoquímica para Ki67 e para BrdU. Para determinação do fenótipo celular, será utilizada técnica de imunoistoquímica para detecção de neurônios maduros (NeuN), imaturos (DCX) e células gliais (GFAP). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TAKADA, SILVIA HONDA; MOTTA-TEIXEIRA, LIVIA CLEMENTE; MACHADO-NILS, ALINE VILAR; LEE, VITOR YONAMINE; SAMPAIO, CARLOS ALBERTO; POLLI, ROBERSON SARAIVA; MALHEIROS, JACKELINE MORAES; TAKASE, LUIZ FERNANDO; KIHARA, ALEXANDRE HIROAKI; COVOLAN, LUCIENE; XAVIER, GILBERTO FERNANDO; NOGUEIRA, MARIA INES. Impact of neonatal anoxia on adult rat hippocampal volume, neurogenesis and behavior. Behavioural Brain Research, v. 296, p. 331-338, JAN 1 2016. Citações Web of Science: 10.
TAKADA, S. H.; DOS SANTOS HAEMMERLE, C. A.; MOTTA-TEIXEIRA, L. C.; MACHADO-NILS, A. V.; LEE, V. Y.; TAKASE, L. F.; CRUZ-RIZZOLO, R. J.; KIHARA, A. H.; XAVIER, G. F.; WATANABE, I. -S.; NOGUEIRA, M. I. NEONATAL ANOXIA IN RATS: HIPPOCAMPAL CELLULAR AND SUBCELLULAR CHANGES RELATED TO CELL DEATH AND SPATIAL MEMORY. Neuroscience, v. 284, p. 247-259, JAN 22 2015. Citações Web of Science: 17.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TAKADA, Silvia Honda. Morte neural e neurogênese no hipocampo de ratos após anóxia neonatal.. 2013. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.