Busca avançada
Ano de início
Entree

Dissulfeto isomerase proteica como via integrativa entre estresse oxidativo e resposta a proteínas mal-enoveladas na reparação a lesão vascular

Processo: 09/51654-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2009
Vigência (Término): 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Francisco Rafael Martins Laurindo
Beneficiário:Leonardo Yuji Tanaka
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:04/13683-0 - Acoplamento do estresse do retículo endoplasmático ao estresse oxidativo em células vasculares via interação entre dissulfeto iomerase protéica e NAD(p)H oxidase: papel de tiol oxidoredutases, AP.TEM
Assunto(s):NADPH oxidase   Espécies de oxigênio reativas

Resumo

Estresse do reticulo endoplasmático (RE) ocorre em doenças vasculares e provavelmente na resposta vascular à lesão. Estresse sustentado do RE está associado a uma expressão aumentada da dissulfeto isomerase protéica (PDI), uma chaperona que regula e se associa à NADPH oxidase vascular, favorecendo a geração de oxidantes. PDI está também associada a maior trombogenicidade do endotélio vascular. A hipótese deste estudo é que a PDI atua como uma via integrativa na conexão entre estresse oxidativo e estresse do RE na reparação vascular à lesão e que o silenciamento da PDI possa definir um alvo terapêutico potencial no controle da resposta vascular. Os objetivos do estudo são: 1) Avaliar a expressão da PDI e de marcadores do estresse de RE na reparação vascular pós-lesão, bem como a influência da PDI: (a) no padrão de ativação da UPR, (b) na produção de ROS e (c) na expressão de subunidades da NAPDH oxidase; 2) Investigar, por meio de array de PCR, o papel da PDI em processos celulares associados à resolução da resposta à lesão, analisando em bloco indicadores de apoptose, proliferação, diferenciação, senescência e autofagia; 3) Analisar o papel da PDI na regulação da morte celular (TÚNEL) e na resistência de células neointimais e endoteliais à morte celular induzida por estressores exógenos como rapamicina; 4) Analisar a influência direta e indireta da PDI na trombogenícidade endotelial após a lesão. Estes dados poderão esclarecer mecanismos celulares de estresse oxidativo em doenças vasculares, com potenciais implicações terapêuticas no controle ou mesmo na regressão da celularidade de uma lesão vascular. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TANAKA, LEONARDO Y.; ARAUJO, HANIEL A.; HIRONAKA, GUSTAVO K.; ARAUJO, THAIS L. S.; TAKIMURA, CELSO K.; RODRIGUEZ, ANDRES I.; CASAGRANDE, ANNELISE S.; GUTIERREZ, PAULO S.; LEMOS-NETO, PEDRO ALVES; LAURINDO, FRANCISCO R. M. Peri/Epicellular Protein Disulfide Isomerase Sustains Vascular Lumen Caliber Through an Anticonstrictive Remodeling Effect. Hypertension, v. 67, n. 3, p. 613-622, MAR 2016. Citações Web of Science: 13.
TANAKA, LEONARDO YUJI; GRASSMANN BECHARA, LUIZ ROBERTO; DOS SANTOS, ADRIANA MARQUES; JORDAO, CAMILA PAIXAO; OLIVEIRA DE SOUSA, LUIS GUSTAVO; BARTHOLOMEU, TERESA; VENTURA, LAURA INES; MARTINS LAURINDO, FRANCISCO RAFAEL; RAMIRES, PAULO RIZZO. Exercise improves endothelial function: A local analysis of production of nitric oxide and reactive oxygen species. NITRIC OXIDE-BIOLOGY AND CHEMISTRY, v. 45, p. 7-14, FEB 15 2015. Citações Web of Science: 20.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.