Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de polímeros comerciais tratados a plasma em pressão atmosférica

Processo: 08/01586-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2008
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física dos Fluídos, Física de Plasmas e Descargas Elétricas
Pesquisador responsável:Konstantin Georgiev Kostov
Beneficiário:Alessandro Luiz Ribeiro dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEG). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Guaratinguetá. Guaratinguetá , SP, Brasil
Assunto(s):Molhabilidade   Ângulo de contato

Resumo

Os materiais poliméricos em geral têm baixo nível de energia de superfície e conseqüentemente apresentam pouca aderência a recobrimentos. Por isso um tratamento de superfície é necessário para que eles possam receber um recobrimento de tinta ou outra camada protetora e aumentem sua aplicabilidade. Dentre as técnicas para modificar propriedades de superfície, o tratamento a plasma em pressão atmosférica é o mais utilizado nas indústrias devido ao seu relativo baixo custo de instalação e operação. Presente projeto de mestrado tem como objetivo o estudo e a caracterizarão de polímeros comerciais tratados a plasma em pressão atmosférica utilizando a descarga com barreira dielétrica (DBD). O processamento de materiais com a descarga será realizado em condições diferentes buscando os melhores parâmetros de operação. O método utilizado para medição das propriedades adesivas dos polímeros processados a plasma é o ângulo de contato (¸). As modificações físicas na superfície após do tratamento serão analisadas através de microscopia de força atômica (AFM). As ligações moleculares e o conteúdo elemental na superfície serão analisados usando a espectroscopia XPS.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Alessandro Luiz Ribeiro dos. Estudo de polímeros comerciais tratados a plasma em pressão atmosférica. 2010. 82 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Engenharia (Campus de Guaratinguetá). Guaratinguetá.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.