Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo comparativo do estresse oxidativo entre tilápias (Oreochromis niloticus) e cascudos (Pterygoplichthys anisitsi) expostos a óleo diesel e a biodiesel

Processo: 08/07449-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Eduardo Alves de Almeida
Beneficiário:Lilian Nogueira
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/03873-1 - Estudo de variações bioquímicas em tilápias, como biomarcadores de contaminação ambiental, AP.JP
Assunto(s):Biodiesel   Óleo diesel   Peixes

Resumo

Derivados de petróleo estão entre os contaminantes ambientais mais produzidos no mundo e são os produtos mais toxicologicamente relevantes em relação ao meio aquático. Sabe-se que a presença desses xenobióticos nesse ambiente pode acarretar uma série de conseqüências adversas aos organismos, como efeitos carcinogênicos e toxicológicos. Atualmente, combustíveis fósseis, como o óleo diesel, vêm sendo substituídos gradativamente pelo biodiesel, por ser uma fonte de energia renovável, barata e menos poluente. No Brasil, a partir de 2013, apenas o biodiesel B5 poderá ser utilizado como combustível e na composição de óleos lubrificantes no lugar do petrodiesel. Porém, pouco se sabe sobre a toxicidade desta nova fonte de energia sobre a biota aquática e se ela é mais ou menos nociva que o óleo diesel derivado do petróleo sobre esses organismos. Os possíveis efeitos gerados por este tipo de composto, caso seja tóxico, poderão ser utilizados para se estudar o nível de poluição aquática, pois constituirão biomarcadores de contaminação, ou seja, qualquer resposta biológica a um poluente ambiental medida nos fluídos e tecidos corpóreos de um organismo ou em seus produtos. Muitos compostos derivados do petróleo, dentre eles o óleo diesel, podem ser biotransformados em compostos menos tóxicos pelas monooxigenases, como o complexo multi-enzimático P450. Entretanto, ainda não há estudos sobre os efeitos do biodiesel na atividade do complexo P450. Sabe-se que um aumento na taxa de biotransformação de xenobióticos por P450 pode causar uma produção excessiva de espécies reativas de oxigênio, provocando o estresse oxidativo. Devido às características intrínsecas de cada espécie, como hábito de vida, taxas de biotransformação e atividade de sistemas bioquímicos de defesa, diferentes organismos podem apresentar respostas distintas aos contaminantes. Sendo assim, este trabalho pretende analisar comparativamente as respostas bioquímicas que desencadeiam o estresse oxidativo e suas conseqüências, entre duas espécies de peixes, a tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus, e o cascudo marrom, Pterygoplichthys anisitsi, após a exposição controlada ao biodiesel e compará-las à exposição realizada ao óleo diesel. Dessa forma, analisaremos se existe diferença na toxicidade produzida pelo biodiesel em relação ao petrodiesel nesses organismos. Além disso, verificaremos qual das duas espécies é mais susceptível ao contaminante, visto que a tilápia, por ser de hábito nectônico, terá acesso às frações solúvel e insolúvel dos combustíveis, enquanto o cascudo, sendo bentônico, terá acesso apenas à fase solúvel. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NOGUEIRA, LILIAN; HUMBERTO DA SILVA, DANILO GRUENIG; KIKUCHI OLIVEIRA, THIAGO YUKIO; DA ROSA, JOEL MAURICIO CORREA; FELICIO, ANDREIA ARANTES; DE ALMEIDA, EDUARDO ALVES. Biochemical responses in armored catfish (Pterygoplichthys anisitsi) after short-term exposure to diesel oil, pure biodiesel and biodiesel blends. Chemosphere, v. 93, n. 2, p. 311-319, SEP 2013. Citações Web of Science: 11.
NOGUEIRA, LILIAN; MADEIRA SANCHES, ANA LETICIA; HUMBERTO DA SILVA, DANILO GRUENIG; FERRIZI, VITOR CID; MOREIRA, ALTAIR BENEDITO; DE ALMEIDA, EDUARDO ALVES. Biochemical biomarkers in Nile tilapia (Oreochromis niloticus) after short-term exposure to diesel oil, pure biodiesel and biodiesel blends. Chemosphere, v. 85, n. 1, p. 97-105, SEP 2011. Citações Web of Science: 20.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
NOGUEIRA, Lilian. Estudo comparativo do estresse oxidativo entre tilápias (Oreochromis niloticus) e cascudos (Pterygoplichthys anisitsi) expostos a óleo diesel e a biodiesel. 2011. 81 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas. São José do Rio Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.