Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da interação entre a proteína NS5 do vírus da febre amarela com SNF5 humana

Processo: 08/07751-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Maurício Lacerda Nogueira
Beneficiário:Danilo Vilas Boas Duarte
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Virologia   Interação proteína-proteína   Febre amarela   Biologia molecular

Resumo

A Febre Amarela é causada pelo vírus da Febre Amarela (YFV-Yellow Fever Virus), um arbovírus protótipo do gênero Flavivirus. A infecção pelo YFV pode ser assintomática, causar doença febril aguda branda ou moderada e casos graves de febre hemorrágica cursando com falência hepática, insuficiência renal e morte. A replicação dos Flavivirus é um mecanismo bastante complexo que envolve a interação entre RNA viral, proteínas virais e celulares. Entretanto, ainda pouco se sabe sobre a interação do vírus com seus hospedeiros. A proteína NS5 é a maior e mais conservada proteína dos Flavivirus e apresenta função importante na patogênese viral. Em ensaios de duplo-híbrido, esta proteína foi identificada interagindo com a proteína celular Snf5, a qual desempenha uma importante função na regulação transcricional celular. O presente projeto tem como objetivo estudar a interação de Snf5 com NS5 do YFV, bem como avaliar sua importância na replicação viral. Os resultados obtidos podem ajudar no melhor entendimento da dinâmica de replicação viral, da modulação celular mediada pelo vírus, da elucidação dos mecanismos de patogênese, virulência e tropismo viral em infecções causadas pelo YFV, bem como fornecer subsídios para o desenvolvimento de drogas que sejam seletivas e inibidoras da replicação dos Flavivirus.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.