Busca avançada
Ano de início
Entree

Viabilizando a simulação multi-threaded para modelos escritos em SystemC

Processo: 08/07810-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Sandro Rigo
Beneficiário:Rodrigo Richard Cantos Faveri
Instituição-sede: Instituto de Computação (IC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Arquitetura e organização de computadores

Resumo

SystemC é uma linguagem de desenvolvimento de sistemas de hardware, como por exemplo os modelos arquiteturais SoC (Systems on Chip), que oferece a infra-estrutura de plataforma de simulação necessária capaz de realizar a simulação de software e hardware rapidamente em um alto ní­vel de abstração. Entretanto, o seu núcleo de simulação foi construído como uma cadeia de threads, as quais são executadas uma por vez. Sendo assim, essa forma de modelagem do núcleo de simulação do SystemC não favorece a sua execução em processadores com mais de um núcleo de processamento, resultando em perda de desempenho comparado às execuções em processadores com um único núcleo de processamento.O objetivo deste projeto de pesquisa é obter uma extensão do SystemC capaz de executar em processadores com multi-núcleos, realizando alterações no mecanismo de escalonamento de execução das threads do núcleo de simulações do SystemC e também modelando sistemas utilizando os novos recursos oferecidos pelo novo padrão de modelagem TLM 2.0 (Transaction Level Modeling)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FAVERI, Rodrigo Richard Cantos. Viabilizando a simulação multi-threaded para modelos escritos em SystemC. 2010. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Computação.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.