Busca avançada
Ano de início
Entree

Construção de sensores biomiméticos para determinação de resíduos farmacêuticos em águas de plantas de tratamento de esgoto e de rios no Estado de São Paulo

Processo: 08/08035-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Maria Del Pilar Taboada Sotomayor
Beneficiário:Ademar Wong
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Ranitidina   Eletroanalítica   Diclofenaco   Química ambiental

Resumo

Este projeto tem como objetivo o desenvolvimento de sensores amperométricos seletivos, estáveis e sensíveis na determinação de resíduos farmacêuticos em águas provenientes de plantas de tratamento de esgoto e de rios do estado de São Paulo. Para isto, eletrodos de carbono vítreo, pasta de carbono e aço inox serão modificados com diferentes complexos de ferro, os quais serão avaliados como potenciais catalisadores biomiméticos da enzima P450, cuja estrutura, química da catálise enzimática e mecanismo de reação já são bem conhecidos. A escolha pela mimetização das P450 baseia-se na grande variedade de reações que podem ser catalisadas por estas enzimas, abrindo a possibilidade de análise dos mais diversos tipos de compostos, dentre eles princípios ativos farmacêuticos. Dentro da grande gama de compostos farmacêuticos existentes e visando um estudo exaustivo para a obtenção de sensores altamente seletivos, uma escolha prévia teve que ser realizada. Sendo escolhidos para o desenvolvimento deste projeto de mestrado os compostos diclofenaco (ácido 2-[(2,6-diclorofenil) aminobenzenoacético)) e ranitidina (N(2-(((5-((dimetilamino)metil)-2-furanila)metil)tio)etil)-N'-metil-2-nitro-1,1-etenodiamina). Os quais foram escolhidos por serem produzidos/consumidos em grande escala, podendo ser excretados pelos organismos doentes em grande quantidade, tornando-se um novo e importante fator de contaminação do ambiente aquático. Assim, resíduos desses fármacos chegam facilmente às instalações de tratamento de esgoto via as excreções urinárias e fecais, e aos rios provenientes diretamente dos efluentes gerados pelas indústrias farmacêuticas. Por outro lado, considerando a grande extensão do estado de São Paulo, a região escolhida para o monitoramento destes fármacos é composta pelas cidades de Araraquara, São Carlos e Campinas. Por estas razões, o projeto aqui proposto é de grande relevância ambiental, pois permitirá valendo-se da eletroquímica e da eletroanalítica, o desenvolvimento de um método alternativo mais simples e economicamente mais rentável para detecção, quantificação e monitoramento, de analitos de interesse ambiental provenientes de fontes biológicas e industriais.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
WONG, ADEMAR; LANZA, MARCOS R. V.; SOTOMAYOR, MARIA D. P. T. Development and Application of a Highly Selective Biomimetic Sensor for Detection of Captopril, an Important Ally in Hypertension Control. COMBINATORIAL CHEMISTRY & HIGH THROUGHPUT SCREENING, v. 13, n. 8, 3, p. 666-674, SEP 2010. Citações Web of Science: 10.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
WONG, Ademar. Desenvolvimento de sensor biomimético para determinação de captopril em amostras de interesse ambiental, biológico e farmacêutico. 2010. 110 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Quimica. Araraquara.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.