Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de óleo microalgal como matéria-prima lipídica para síntese enzimática de biodiesel pela rota etílica

Processo: 08/09440-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Heizir Ferreira de Castro
Beneficiário:Patricia Caroline Molgero Da Rós
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:04/12329-8 - Nucleação de um novo grupo de pesquisa tecnologia de processos em reatores enzimáticos utilizando tecnologias emergentes para reestruturação da gordura de leite, AP.JP
Assunto(s):Microalgas   Biodiesel   Transesterificação   Lipase   Biocatálise

Resumo

Biodiesel é uma fonte de energia renovável produzida a partir de triglicerídeos naturalmente encontrados em óleos e gorduras. No Brasil o uso do biodiesel está autorizado na proporção de 3%, o que cria um mercado interno de aproximadamente 800 milhões de litros por ano para este combustível, possibilitando uma economia de até US$ 160 milhões por ano com a redução das importações de petróleo. Para 2013, estima-se a mistura obrigatória de 5% de biodiesel no óleo diesel (B5), aumentando a demanda por esse biocombustível. Esse crescimento, entretanto, passa por uma evolução no sistema de produção de forma a torná-lo mais eficiente, ambientalmente favorável a custos competitivos. Estudos têm identificado que o custo das matérias-primas tradicionais perfaz mais do que 70 % do custo global de produção do biodiesel. Para o biodiesel contribuir ativamente como substituto de combustíveis fósseis, é necessário que seja produzido num custo muito mais baixo com a manutenção da qualidade técnica exigida pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Visando contribuir para esse desenvolvimento, o objetivo deste projeto é utilizar matérias-primas lipídicas de menor custo, particularmente microbiana (microalga), como fonte de lipídeos para produção de biodiesel via rota etílica. Propõe-se a realização de reações de transesterificação enzimática utilizando o óleo extraído das algas para produção de ésteres etílicos de ácidos graxos (biodiesel) que apresentam características físicas semelhantes às do óleo diesel, podendo ser utilizados em motores do ciclo diesel sem nenhuma modificação. Os principais aspectos que serão abordados compreendem a seleção de microalgas altamente produtoras de lipídeos, obtenção e extração do óleo das algas selecionadas e sua caracterização, e finalmente, a avaliação do óleo extraído como substrato na síntese de biodiesel. Esta abordagem permitirá minimizar os efeitos sócio-econômicos e os relacionados ao meio ambiente, por não competir com a cadeia alimentícia das fontes oleaginosas e solo agrícola como fins de cultivo. O projeto proposto integra a principal linha de pesquisa do Laboratório de Biocatálise da Escola de Engenharia de Lorena, e contribuirá para a criação de competência nacional para substituição de lipídeos obtidos de fontes oleaginosas (agricultura) por fontes microalgais como potentes produtoras de óleo. Neste contexto, as iniciativas deste projeto são imprescindíveis e poderão contribuir para a obtenção de dados que, no momento, são escassos no Brasil, permitindo para um futuro próximo a avaliação da viabilidade econômica do processo global.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
RÓS, Patricia Caroline Molgero Da. Avaliação de óleos de cianobactérias como matéria-prima lipídica para síntese de biodiesel pela rota etílica. 2012. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de Lorena Lorena.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.