Busca avançada
Ano de início
Entree

O balanço de umidade na América do Sul: consequências remotas causadas pelo desmatamento da Amazônia

Processo: 08/09969-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2009
Vigência (Término): 31 de março de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Dirceu Luis Herdies
Beneficiário:Marília Guedes Do Nascimento
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Precipitação   Bacia do Prata

Resumo

Para regiões continentais tropicais, as florestas são importantes não apenas pela sua riqueza de biodiversidade, mas também por desempenhar um papel importante no ciclo hidrológico destas regiões, o que pode ser evidenciado na Amazônia por suas grandes dimensões. O papel da Bacia Amazônica, um dos maiores sistemas hidrográficos do mundo, tem sido reconhecidamente importante no transporte de umidade da bacia para latitudes extratropicais. Muitos autores afirmam que o grande transporte de umidade dos trópicos para extratrópicos modula a precipitação sobre a Bacia do Prata e região sudeste do Brasil, região de grande importância econômica e social, durante praticamente todo ano. Sendo assim pretende-se investigar o papel do balanço de umidade sobre a América do Sul, tentando responder algumas questões como: (1) A região amazônica se comporta como fonte ou sumidouro de umidade? (2) A região central da América do Sul, incluindo a Bacia do Alto Paraguai, contribui no transporte de umidade dos trópicos para os extratrópicos? (3) A precipitação na região da Bacia do Prata é modulada pelo balanço de umidade sobre a Amazônia e região central da América do Sul? (4) Quais os possíveis impactos das mudanças do uso e cobertura do solo da região amazônica na precipitação sobre a Bacia do Prata? Para responder as três primeiras questões será feita uma climatologia do balanço de umidade, para um período de 23 anos, sobre grande parte da América do Sul utilizando dados de reanálises do ECMWF e dados de estimativas de precipitação obtidas por satélite. A quarta questão será respondida através de simulações numéricas com um modelo de domínio regional onde serão propostos alguns cenários dedesmatamento parcial e total da região da Amazônia Legal. Desta forma pretende-se entender o papel da região amazônica, sendo fonte ou sumidouro de umidade, no contexto do balanço de umidade sobre a América do Sul, mostrar a influência da região central da América do Sul sobre o balanço de umidade do continente, evidenciar o papel da umidade proveniente da região amazônica e da região central da América do Sul sobre o comportamento da precipitação nas regiões sul e sudeste do Brasil e região da Bacia do Prata e mostrar os possíveis impactos de um processo de mudança do uso e cobertura do solo na região da Amazônia Legal, através de um desmatamento descontrolado, sobre o Balanço de Umidade da América do Sul e conseqüências sobre as regiões sul e sudeste do Brasil e região da Bacia do Prata.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DO NASCIMENTO, MARILIA GUEDES; HERDIES, DIRCEU LUIS; DE SOUZA, DIEGO OLIVEIRA. The South American Water Balance: The Influence of Low-Level Jets. Journal of Climate, v. 29, n. 4, p. 1429-1449, FEB 2016. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.