Busca avançada
Ano de início
Entree

Inclusão de probióticos durante o processamento de ração para Tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus, linhagem GIFT

Processo: 09/01530-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 31 de julho de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Elizabeth Romagosa
Beneficiário:Ivan Bernardoni Nakandakare
Instituição-sede: Instituto de Pesca. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Nutrição animal   Bacillus subtilis   Tilápia

Resumo

A tilapicultura é uma das atividades agropecuárias de maior crescimento nos últimos anos, impulsionado por seu desempenho zootécnico e reprodutivo. Probióticos têm sido utilizados como substitutos aos antibióticos por serem naturais e não causarem danos ao meio ambiente. Fatores como o tipo de probiótico, viabilidade dos microrganismos no momento de serem agregados às rações, condições de armazenamento, manejo e sanidade podem afetar sua eficácia. O objetivo deste experimento é avaliar o processo de incorporação de probiótico sobre dois processamentos de ração (peletizada e extrusada) afim de avaliar a eficiência da incorporação do produto em uma dieta formulada. O probiótico utilizado será o da Empresa IMEVE Biotecnologia (nome comercial de PAS-TR®), sendo constituído por Bacillus toyoi e Bacillus subtilis, e será adicionado à ração experimental diretamente no processo (extrusão e peletização), através de um veículo oleoso - óleo de soja após o processamento. Para tanto, dez juvenis de tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus, linhagem Gift, pesando inicialmente cinco gramas, serão distribuídos em 25 aquários e alimentados com a ração experimental em um período de 63 dias. Serão avaliados, taxa de sobrevivência (TS); ganho de peso (GP); consumo alimentar diário (CAD); conversão alimentar aparente (CAA); taxa de crescimento específico (TCE); índices hepatossomático (IHS). Também, a contagem e quantificação do número de bactérias na ração e no intestino dos peixes; serão determinados, bem como, a histologia do intestino; parâmetros hematológicos e qualidade da água. Finalmente, espera-se realizar um protocolo para incorporação do probiótico na ração. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
IVAN BERNARDONI NAKANDAKARE; MARINA KEIKO PIERONI IWASHITA; DANIELLE DE CARLA DIAS; LEONARDO TACHIBANA; MARIA JOSÉ TAVARES RANZANI-PAIVA; ELIZABETH ROMAGOSA. Growth performance and intestinal histomorphology of Nile tilapia juveniles fed probiotics. Acta Sci., Anim. Sci., v. 35, n. 4, p. 365-370, Dez. 2013.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.