Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelo animal para análise da patogenicidade de cepas de Mycobacterium bovis e avaliação da resposta imune celular e humoral contra isolados patogênicos

Processo: 09/02696-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de março de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Maria Regina D'Império Lima
Beneficiário:Eduardo Pinheiro Amaral
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Modelos animais

Resumo

A tuberculose é causada por bacilos bacterianos álcool-ácido resistentes e é uma doença de alta prevalência em todo o mundo. Um terço da população mundial está infectada pela M. tuberculosis, mas somente 10% destes desenvolvem a doença. O Brasil é o 15º país em número de notificações de tuberculose com uma taxa anual de 114.000 novos casos. A tuberculose bovina é uma zoonose de caráter inflamatório e de evolução crônica e debilitante, infecto-contagiosa, causada pelo Mycobacterium bovis, cujo hospedeiro primário é o bovino. O interesse por esta patologia é aumentado pelo fato do homem também ser suspeptível ao M. bovis. Após o consumo produtos de origem animal contaminados, o indivíduo pode desenvolver a tuberculose intestinal, sendo considerada a principal causa de manifestação da doença não-pulmonar em regiões rurais, onde, em casos da patologia disseminada, pode ocorrer a transmissão do bacilo entre humanos. A incidência das infecções causadas por micobactérias (Mycobacterium bovis e Mycobacterium avium/paratuberculosis) e a patogenicidade dos isolados no gado brasileiro ainda são pouco estudadas. Assim, a avaliação da virulência de cepas de micobactérias no Brasil é de grande importância. Portanto, visamos estabelecer um modelo animal satisfatório para o screening da virulência de cepas patogênicas que utiliza camundongos deficientes na expressão de genes que estão involvidos na proteção antimicobacteriana.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Estudo aponta alvo para o tratamento de tuberculose grave 

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
AMARAL, Eduardo Pinheiro. Avaliação da virulência micobacteriana e modulação da resposta imune durante a infecção por isolados clínicos de Mycobacterium bovis e Mycobacterium tuberculosis.. 2011. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.