Busca avançada
Ano de início
Entree

Literatura, cinema e media em Boquitas pintadas, de Manuel Puig, e Onde andará Dulce Veiga?, de Caio Fernando Abreu

Processo: 09/02794-9
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literatura Comparada
Pesquisador responsável:Arnaldo Franco Junior
Beneficiário:Wanderlan da Silva Alves
Instituição Sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Romance   Meios de comunicação   Cinema
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Caio fernando Abreu | cinema | Manuel Puig | Mídia | Procedimento artístico | Romance | Literatura Brasileira, Literatura Argentina

Resumo

Neste projeto, propomos a análise dos romances Boquitas pintadas, de Manuel Puig, e Onde andará Dulce Veiga?, de Caio Fernando Abreu, centrando-nos no papel que os procedimentos e recursos cinematográficos e paraliterários empregados nesses romances cumprem para a configuração da literariedade de ambos. De certo modo, a assimilação desses recursos e a concepção fragmentada do universo das relações humanas presente nessas obras renovam a produção literária da segunda metade do século XX, por meio de uma produção narrativa experimental e crítica, que se mostra consciente do potencial da linguagem como matéria-prima para a criação literária e das possibilidades de interação da linguagem romanesca com as linguagens paraliterárias e, enfim, os produtos que a indústria cultural direciona às massas, geralmente considerados pela crítica de arte tradicional e pelo cânone literário como sendo de qualidade questionável. Ao se valerem dessas linguagens e de seus procedimentos, Puig e Abreu reavaliam as possibilidades da linguagem narrativa e valorizam o seu potencial iconográfico. Desse modo, suas obras apropriam-se da linguagem do cinema, inclusive o chamado cinema "b", além de telenovelas, folhetins, radionovelas, propagandas publicitárias e textos jornalísticos, tratando criticamente o universo em que tais romances se inserem e os materiais de que se servem para sua constituição. Com isso, esses romances nos oferecem um olhar crítico sobre o fazer artístico no contexto histórico e cultural da Argentina e do Brasil da segunda metade do século XX, apresentando-nos, entre outras questões, um espaço de discussão acerca da relação da América Latina com suas matrizes culturais - a Europa e, mais recentemente, os Estados Unidos - na elaboração de seus pensamentos, conceitos e padrões culturais e estéticos.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ALVES, Wanderlan da Silva. Romance e experimentação com a linguagem em Boquitas pintadas, de Manuel Puig, e Onde andará Dulce Veiga?, de Caio Fernando de Abreu. 2011. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Instituto de Biociências Letras e Ciências Exatas. São José do Rio Preto São José do Rio Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.