Busca avançada
Ano de início
Entree

Imunogenicidade de vacina de DNA contendo epitopos do HIV-1 tipo M em camundongos BALB/c

Processo: 09/03141-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Edecio Cunha Neto
Beneficiário:Rafael Ribeiro Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):HIV-1   Epitopos   Vacinas   Imunogenicidade

Resumo

O número de infectados pelo HIV desde o início da pandemia já ultrapassa 60 milhões de pessoas e o número de mortos por AIDS chega aos 25 milhões. O desenvolvimento de uma vacina eficaz contra o HIV é de suma importância e tem sido alvo da comunidade científica em todo o mundo. Entretanto, nenhuma vacina experimental testada até hoje em humanos mostrou eficácia. A elaboração e teste de novas formulações e combinações de epitopos é uma prioridade na pesquisa em saúde. Muitos estudos ainda se focam exclusivamente na identificação de epitopos reconhecidos por linfócitos T CD8+ para a confecção das vacinas. Porém, o papel central dos linfócitos T CD4+ no estabelecimento de uma resposta imunológica tanto humoral quanto celular durante a infecção torna essas células um alvo no desenvolvimento de novas construções vacinais. Sendo assim, objetiva-se, nesse trabalho, identificar epitopos da sequência ancestral conservada do grupo M do HIV-1 capazes de se ligarem promiscuamente a múltiplas moléculas de HLA-DR, utilizando-se o algoritmo TEPITOPE (com limiar de 5%) e avaliar a imunogenicidade dos mesmos. Esta estratégia poderia conferir grande amplitude e cobertura vacinal e as respostas induzidas por tal vacina poderiam corresponder a epitopos conservados entre os diversos subtipos. Para isto, camundongos BALB/c serão imunizados com uma vacina de DNA codificando os epitopos selecionados e a resposta celular antígeno-específica será avaliada por ensaios de proliferação e ELISPOT. Dessa maneira poderemos confirmar o potencial imunogênico de tais epitopos e avaliar uma possível inclusão dos mesmos em uma candidata a vacina contra o HIV.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)