Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da relação do índice de qualidade da dieta com nível de atividade física, perfil lipídico e estado inflamatório em indivíduos de risco cardiometabólico

Processo: 09/03925-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Análise Nutricional de População
Pesquisador responsável:Sandra Roberta Gouvea Ferreira Vivolo
Beneficiário:Milena Monfort Pires
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Síndrome metabólica   Perfil lipídico   Marcadores inflamatórios   Atividade física   Diabetes mellitus   Consumo de alimentos

Resumo

A redução da atividade física e aumento do consumo energético decorrente de dieta com qualidade questionável contribuíram para transição nutricional no Brasil, caracterizada por cifras de excesso de peso superiores às de desnutrição. Estilo de vida saudável (hábitos alimentares adequados e prática regular de exercício) revertem em benefícios sobre fatores de risco cardiometabólico. Entre estes fatores, destacam-se o perfil lipídico e, mais recentemente, marcadores de inflamação, que sofrem influência da dieta e da atividade física. Considerando que existem bons instrumentos para se medir tanto o índice de qualidade da dieta (IQD) como o nível de atividade física (IPAQ), validados para a população brasileira, e que não existem estudos locais que relacionem estes índices entre si e com o perfil lipídico e o estado inflamatório, este projeto objetiva examinar a associação entre a qualidade da dieta (medida pelo IQD descrito para a população brasileira) e o nível de atividade física (pelo IPAQ longo) e destes hábitos de vida com biomarcadores do perfil lipídico (colesterol total, HDL-c, LDL-c, triglicérides e apolipoproteína B) e do estado inflamatório (PCR, IL-6, TNF-alfa e adiponectina), em indivíduos com risco cardiometabólico. Indivíduos adultos, integrantes de Estudo de Prevenção de Diabetes em desenvolvimento apoiado pela FAPESP, portadores de pré-diabetes ou de síndrome metabólica sem intolerância à glicose, constituem a população alvo. Dados clínico-laboratoriais estão sendo armazenados em banco de dados e os recordatórios alimentares analisados pelo programa Nutrition Data System®. Os dados do IQD e do IPAQ serão analisados como variáveis contínuas (IQD, de zero a 100; IPAQ, em METs) ou categóricas (níveis de adequação ou de atividade física, previamente descritos). Teste t de Student será usado para comparar médias (ou o correspondente teste não-paramétrico) e quando >2 estratos estiverem envolvidos será empregada ANOVA. Serão calculadas frequências de categorias de adequação da dieta, de nível de atividade física, excesso de peso, obesidade abdominal, dislipidemia, hipertensão e DM tipo 2, comparadas pelo qui-quadrado. Coeficientes de correlação serão empregados para testar a relação entre dados do IQD e do IPAQ. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.