Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização da Deposição Atmosférica e Aporte de Espécies Químicas no Principal Corpo Aquático da Cidade de São José do Rio Preto, Sp.

Processo: 09/03908-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 31 de março de 2011
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Márcia Cristina Bisinoti
Beneficiário:Fabio Henrique Medeiros
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:05/51242-8 - Emprego de indicadores de qualidade de água e outras ferramentas de gestão ambiental para avaliar o efeito das atividades antrópicas sobre os rios Preto, Turvo e Grande na região de São José do Rio Preto, AP.JP
Assunto(s):Deposição atmosférica   Poluição   Química ambiental

Resumo

Neste trabalho será realizada a caracterização de metais e ânions na deposição atmosférica da cidade de São José do Rio Preto visando inferir os impactos ambientais, um entendimento inicial da química da atmosfera e da ciclagem dos poluentes. Estes resultados permitirão ainda avaliar o impacto da deposição total e úmida como fonte difusa na qualidade das águas do Rio Preto, corpo aquático que é responsável por 30% do abastecimento público da cidade. As amostragens de deposição total e úmida serão realizadas com o auxílio de amostradores passivos, manual e automático, respectivamente em três pontos situados dentro do campus da Universidade Estadual Paulista-UNESP, campus de São José do Rio Preto. Após cada evento de chuva, as amostras serão transportadas para o laboratório onde os parâmetros pH, condutividade, carbono orgânico total, amônia, nitrato, sulfato e fosfato, Al, Cu, Cd, Cr, As, Sb, Zn, Pb, Ni, Ba e K serão quantificados. De posse dos resultados analíticos e das condições atmosféricas diárias, bem como dos valores de pluviosidade acumulada, mais informações da área do corpo aquático será calculada a contribuição da deposição atmosférica na qualidade das águas do rio em questão. Os resultados obtidos neste trabalho trarão subsídios para o entendimento da química da atmosfera e o papel da fonte difusa (qualidade da atmosfera) no gerenciamento de um rio.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MEDEIROS, Fabio Henrique. Caracterização da deposição atmosférica e aporte de espécies químicas no principal corpo aquático da cidade de São José do Rio Preto, SP. 2011. 95 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista. Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas. São José do Rio Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.