Busca avançada
Ano de início
Entree

Genotipagem de cepas polimórficas de Toxoplasma gondii provenientes de pacientes com toxoplasmose

Processo: 09/05505-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 30 de novembro de 2009
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Vera Lúcia Pereira Chioccola
Beneficiário:Isabelle Martins Ribeiro Ferreira
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Toxoplasmose cerebral   Técnicas de genotipagem   Toxoplasmose congênita   Epidemiologia molecular   Toxoplasma gondii

Resumo

A toxoplasmose é uma infecção cosmopolita com uma pequena porcentagem de indivíduos desenvolvendo a forma clínica. Contudo, quando ocorre algum tipo de imunossupressão, como nos pacientes infectados com o vírus HIV, existe uma grande chance de ocorrer a reativação de infecção latente por Toxoplasma gondii, causando doença neurológica. Nesta população, T. gondii constitui a causa mais comum de lesões expansivas intracranianas, sendo que, no Brasil, a prevalência da toxoplasmose cerebral é alta e com considerável morbidade e mortalidade. As análises genéticas de populações de T. gondii são de extrema importância médica para compreender os padrões epidemiológicos, as diferentes manifestações da doença e para servir de suporte para novas estratégias para vacinação, tratamento e diagnóstico. As primeiras análises genéticas de populações indicavam que as cepas de T. gondii eram agrupadas em três linhagens designadas tipo I, II e III. Somente estas cepas clonais eram genotipadas, por serem isoladas na Europa e América do Norte. Surpreendentemente, os estudos realizados com cepas isoladas na América do Sul mostraram que elas são mais virulentas e, predominantemente dos tipos I ou III. No Brasil, a maioria dos estudos mostrou que apesar de uma predominância de cepas do tipo I, observou-se uma grande diversidade genética. Marcadores específicos para as amostras Sul americanas poderiam discriminar as cepas polimórficas. O presente projeto pretende estabelecer novos critérios e a escolha de mais marcadores moleculares para analisar as amostras brasileiras e, possivelmente, determinar novas cepas. A metodologia empregada será por: "multilocus" - PCR-RFLP e seqüenciamento das regiões gênicas dos isolados a serem analisados. As análises serão realizadas em 70 amostras de DNA provenientes de um banco de DNA gerado a partir de amostras de sangue, líquido amniótico e líquido cefalorraquiano, que foram encaminhadas para o Laboratório de Biologia Molecular de Parasitas do Instituto Adolfo Lutz para realizar o diagnóstico molecular da toxoplasmose cerebral em pacientes com Aids atendidos nas Unidades Básicas de Saúde do Estado de São Paulo. A partir do desenvolvimento deste projeto, esperamos que os resultados e conclusões obtidos nos esclareçam quais isolados que predominam na nossa região, uma vez que já demonstramos que as cepas brasileiras são diferentes das provenientes de regiões do norte do Mundo.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BRANDAO DE MATTOS, CINARA CASSIA; SIQUEIRA, RUBENS CAMARGO; FREDERICO, FABIO BATISTA; RIBEIRO FERREIRA, ISABELLE MARTINS; COSTA FERREIRA, ANA IARA; PREVIATO, MARIANA; PEREIRA-CHIOCCOLA, VERA LUCIA; DE MATTOS, LUIZ CARLOS. Toxoplasmic retinochoroiditis caused by Toxoplasma gondii strain ToxoDB#65. Acta Tropica, v. 185, p. 419-421, SEP 2018. Citações Web of Science: 0.
RIBEIRO FERREIRA, ISABELLE MARTINS; VIDAL, JOSE ERNESTO; BRANDAO DE MATTOS, CINARA DE CASSIA; DE MATTOS, LUIZ CARLOS; QU, DAOFENG; SU, CHUNLEI; PEREIRA-CHIOCCOLA, VERA LUCIA. Toxoplasma gondii isolates: Multi locus RFLP-PCR genotyping from human patients in Sao Paulo State, Brazil identified distinct genotypes. Experimental Parasitology, v. 129, n. 2, p. 190-195, OCT 2011. Citações Web of Science: 41.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.