Busca avançada
Ano de início
Entree

Raízes do neoliberalismo brasileiro: uma análise social do processo de abertura comercial

Processo: 09/06430-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia do Desenvolvimento
Pesquisador responsável:Brasilio João Sallum Junior
Beneficiário:Leonardo de Oliveira Fontes
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Sociologia política   Hegemonia   Classe social   Neoliberalismo

Resumo

Este projeto pretende desenvolver uma análise sociológica do processo de abertura comercial da economia brasileira ocorrida no início dos anos 1990, sob o governo Collor, que será examinado no contexto da crise política vivida com a transição para a democracia e a crise econômica dos anos 1980, crises não solucionadas nem pelos planos heterodoxos de estabilização, nem pela promulgação da Constituição Federal de 1988. Uma análise teoricamente aprofundada das múltiplas dimensões sociais envolvidas em tal processo poderá revelar aspectos fundamentais para a compreensão do novo arranjo sóciopolítico que se estruturou no Brasil a partir das reformas neoliberais. O projeto justifica-se em função da bibliografia revelar um foco excessivo em dados econômico posteriores ao processo de abertura comercial, o que é insuficiente para uma interpretação adequada das implicações políticas e sociais de tal processo. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FONTES, Leonardo de Oliveira. Raízes do neoliberalismo brasileiro: uma análise sociológica do processo de abertura comercial. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.