Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da Atividade da ADAMTS13 no Tromboembolismo Venoso

Processo: 09/06970-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2011
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Joyce Maria Annichino-Bizzacchi
Beneficiário:Bruna de Moraes Mazetto Fonseca
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fatores de risco   Hematologia   Trombose venosa   Inflamação   Hemostasia   Interleucinas

Resumo

O tromboembolismo venoso (TEV) é uma doença multifatorial que afeta 1:1000 da população mundial e cuja patogênese depende da interação de fatores genéticos e adquiridos.Apesar de diversos fatores de risco já definidos, 30% dos casos de TEV são considerados idiopáticos. Por outro lado, indivíduos com trombofilia hereditária ou adquirida, apresentam quadros clínicos diferentes, o que sugere a presença de outros fatores de risco não definidos que podem interferir na expressão fenotípica. Níveis elevados de marcadores inflamatórios e fatores de coagulação, principalmente fator VIII (FVIII) e fator de von Willebrand (FVW) surgiram então como possíveis fatores de risco para a ocorrência do TEV. A causa do aumento de FVW e FVIII no TEV, entretanto permanece incerta e aparentemente não está relacionada a alterações genéticas desses fatores. A atividade do FVW é controlada em parte pela enzima proteolítica ADAMTS13 (A Disintegrin And Metalloprotease with Thrombospondin type 1 repeats) que promove a clivagem do mesmo. A estreita relação entre níveis elevados de FVW e diminuição da atividade da ADAMTS13 já foi demonstrada em diversas situações normais, como gravidez, bem como em situações patológicas, como doenças inflamatórias sistêmicas, doenças cardíacas e cerebrais isquêmicas. Por outro lado, a atividade da ADAMTS13 pode ser também influenciada pela ação de citocinas, presentes em processos inflamatórios.É possível que a diminuição da atividade da ADAMTS13 seja a causa dos níveis elevados do FVW observados em alguns casos de TEV, funcionando assim como um fator de risco independente para sua ocorrência. Neste projeto pretendemos desenvolver um estudo caso-controle em uma população de pacientes com TEV em que fatores de risco classicamente associados ao TEV não tenham sido identificados, de modo a explorar o papel da atividade da ADAMTS13 como fator de risco para o TEV.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MAZETTO, BRUNA M.; ORSI, FERNANDA L.; BARNABE, ALINE; DE PAULA, ERICH V.; FLORES-NASCIMENTO, MARIANE C.; ANNICHINO-BIZZACCHI, JOYCE M. Increased ADAMTS13 activity in patients with venous thromboembolism. THROMBOSIS RESEARCH, v. 130, n. 6, p. 889-893, DEC 2012. Citações Web of Science: 12.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FONSECA, Bruna de Moraes Mazetto. Avaliação da ADAMTS13 e de marcadores inflamatóriosem pacientes com Tromboembolismo venoso. 2011. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Ciências Médicas Campinas, SP.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.