Busca avançada
Ano de início
Entree

Método multicriterial baseado em índices de sustentabilidade para auxílio na escolha de sistemas de tratamento de esgoto sanitário

Processo: 09/07598-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2009
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Eduardo Cleto Pires
Beneficiário:Alexandre Bevilacqua Leoneti
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Saneamento   Sustentabilidade

Resumo

A conservação dos recursos hídricos passa necessariamente pelo investimento em saneamento e no tratamento do esgoto sanitário. Para auxiliar os gestores das organizações em seu processo decisório, o emprego de modelos de apoio à tomada de decisão é utilizado desde a década de 1960, havendo forte ênfase nas questões econômico-financeiras e operacionais das estações de tratamento de esgoto (ETE). O uso de modelos mais aprimorados, que considerem as questões relativas à sustentabilidade ambiental das ETEs é um assunto que tem despertado interesse, conforme se observa na literatura recente, ainda que relativamente escassa. Com a presente pesquisa pretende-se elaborar um modelo multicriterial, baseado em métodos e modelos de tomada de decisão, para que seja uma das ferramentas de apoio na escolha do sistema de tratamento de esgoto sanitário mais adequado para um determinado município. Para isto, serão selecionados modelos para representar os parâmetros de sustentabilidade ambiental envolvidos na implantação, operação e manutenção dos principais arranjos de ETEs adotados no Brasil. A aplicação de novos métodos e técnicas seguidas de simulações e análises dos resultados visa proporcionar meios para se enxergar o mesmo problema sobre diferentes focos e, com a utilização de diferentes critérios, poderá ser uma contribuição para facilitar o processo da tomada de decisão para a escolha da alternativa técnica, econômica, ambiental e socialmente mais viável.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUKE OGILVIE THOMPSON; ALEXANDRE BEVILACQUA LEONETI; RENÉ BAÑARES-ALCÁNTARA; EDUARDO CLETO PIRES. Using game theory to assess multi-company strategies in watershed management. Rev. Ambient. Água, v. 11, n. 3, p. 535-547, Set. 2016.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LEONETI, Alexandre Bevilacqua. Teoria dos jogos e sustentabilidade na tomada de decisão: aplicação a sistemas de tratamento de esgoto. 2012. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.