Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito do ácido docosahexaenóico e de seus hidroperóxidos na oligomerização de SOD1 em um modelo da doença esclerose lateral a miotrófica

Processo: 09/52702-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de novembro de 2009
Vigência (Término): 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Pesquisador responsável:Sayuri Miyamoto
Beneficiário:Patricia Postilione Appolinário
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ácidos graxos   Cérebro   Peroxidação de lipídeos   Doença de Alzheimer   Doença de Parkinson   Esclerose amiotrófica lateral

Resumo

O ácido docosahexaenoico (C22:6, W-3, DHA) é um ácido graxo altamente insaturado presente em grandes concentrações no cérebro. Sua oxidação mediada por espécies reativas gera uma série de hidroperóxidos como produtos primários. Estudos sugerem o envolvimento de produtos da peroxidação lipídica na patogênese de doenças neurodegenerativas como a doença de Alzheimer, de Parkinson e a Esclerose Lateral Amiotrófica. O objetivo deste estudo é investigar o efeito e a relevância do DHA e de seus hidroperóxidos em doenças neurodegenerativas, em particular na Esclerose Lateral Amiotrófica familiar (fELA). Sabe-se que 20% dos casos familiares desta patologia são causadas por mutações no gene que codifica a enzima antioxidante citossólica, Cu, Zn-superóxido dismutase (SOD1). A mutação resulta em um ganho de função tóxica, cuja origem bioquímica ainda é desconhecida. Alguns estudos sugerem que o ganho de função tóxica esteja relacionado ao efeito pró-oxidante da SOD1 mutada e/ou à formação de agregados citotóxicos de SOD1. Em estudo recente foi demonstrado que ácidos graxos poliinsaturados induzem a oligomerização e formação de agregados de SOD1 mutante. Esse dado foi confirmado em experimentos já realizados dentro deste projeto, cujos resultados mostraram o DHA como promotor da oligomerização da SOD1 selvagem (WT) e mutante. Neste estudo investigaremos o mecanismo e a relevância da agregação da SOD1 induzida por hidroperóxidos de DHA e pelo DHA. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
APPOLINARIO, PATRICIA POSTILIONE; MEDINAS, DANILO BILCHES; CHAVES-FILHO, ADRIANO B.; GENARO-MATTOS, THIAGO C.; ROSA CUSSIOL, JOSE RENATO; SOARES NETTO, LUIS EDUARDO; AUGUSTO, OHARA; MIYAMOTO, SAYURI. Oligomerization of Cu,Zn-Superoxide Dismutase (SOD1) by Docosahexaenoic Acid and Its Hydroperoxides In Vitro: Aggregation Dependence on Fatty Acid Unsaturation and Thiols. PLoS One, v. 10, n. 4 APR 30 2015. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.