Busca avançada
Ano de início
Entree

Extratos secos padronizados de Bidens pilosa L.: Desenvolvimento tecnológico e avaliação da atividade biológica

Processo: 09/11080-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
Pesquisador responsável:Wanderley Pereira Oliveira
Beneficiário:Diego Francisco Cortés-Rojas
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Secagem   Extração   Plantas medicinais

Resumo

Este projeto está inserido dentro de uma linha de investigação que tem por objetivo o desenvolvimento e padronização de extratos secos a partir de plantas medicinais e aromáticas. Todas as etapas envolvidas na obtenção de matéria prima vegetal a ser utilizado na preparação de uma droga vegetal são investigadas, incluindo a coleta da planta, procedimentos para a limpeza dessa matéria prima, secagem em condições adequadas e estabilização da planta, moagem da planta e classificação granulométrica; desenvolvimento e otimização de processos extrativos, concentração, adição de carreadores ao extrato concentrado e sua posterior secagem para obtenção de produtos tecnológicos (extratos secos e/ou micropartículas), além de metodologias para a caracterização físico-química e avaliação da estabilidade do produto durante o armazenamento. A obtenção e padronização de extratos vegetais é uma tarefa complexa, principalmente devido à possibilidade de ocorrência de degradação, transformação e/ou perdas de compostos bioativos e voláteis durante as etapas de processamento (extração, concentração de ativos, secagem e armazenagem). Alterações na composição de produtos derivados de plantas medicinais e aromáticas podem originar conseqüências, muitas vezes, imprevisíveis na qualidade e eficiência terapêutica do produto. O emprego de adjuvantes tecnológicos (como por exemplo, adsorventes, aglomerantes e antiaglomerantes, espessantes, emulsificantes, gomas e amidos, etc), associado á técnicas de microencapsulação surgem como uma valiosa ferramenta na tentativa de minimizar a ocorrência de perdas de compostos bioativos durante a produção de extratos secos de plantas medicinais e aromáticas. Nessa proposta de pesquisa, pretende-se investigar a influência de processos de extração e de secagem na obtenção de extratos secos padronizados de Bidens pilosa (picão preto). A Bidens pilosa (picão preto) foi selecionada para o presente trabalho em decorrência de seus dados etnofarmacológicos, além de constar da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (Renisus). Três distintos processos de secagem serão avaliados comparativamente: secagem em spray drying (ou secagem por nebulização), secagem em leito de jorro e a liofilização; avaliando-se as propriedades físico-químicas (concentração de substâncias ativas ou marcadores, fluidez, granulometria, coloração, etc) e atividade biológica (ex. antimicrobiana e antioxidante). Este projeto vem de encontro às diretrizes do Decreto 5.813 de 22 de junho de 2006 que aprova a Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos e que tem por objetivo garantir a população brasileira o aceso seguro e o uso racional de plantas medicinais e fitoterápicos com segurança, eficácia e qualidade e promover pesquisa, desenvolvimento de tecnologias e inovações em plantas medicinais e fitoterápicos (BRASIL, 2006).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CORTES-ROJAS, DIEGO FRANCISCO; FERNANDES SOUZA, CLAUDIA REGINA; OLIVEIRA, WANDERLEY PEREIRA. Optimization of spray drying conditions for production of Bidens pilosa L. dried extract. CHEMICAL ENGINEERING RESEARCH & DESIGN, v. 93, p. 366-376, JAN 2015. Citações Web of Science: 14.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CORTÉS-ROJAS, Diego Francisco. Extratos secos padronizados de Bidens pilosa L.: Desenvolvimento tecnológico e avaliação da atividade biológica. 2011. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

MICROPARTÍCULA SÓLIDA BR1020120096862 - Universidade de São Paulo (USP) . Diego Francisco C. Rojas; Wanderlei Pereira de Oliveira - 25 de abril de 2012