Busca avançada
Ano de início
Entree

A importância das áreas alagáveis associadas aos reservatórios da bacia do rio da prata (argentina, brasil, paraguai e uruguai) para a diversidade da fauna de cladocera (crustacea branchiopada)

Processo: 09/11781-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marcos Gomes Nogueira
Beneficiário:Jose Roberto Debastiani Júnior
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Cladocera   Diversidade   Endemismo

Resumo

Os cladóceros são microcrustáceos de hábito planctônico ou fitófilo e que apresentam predominância em águas continentais. Estes organismos possuem uma ampla distribuição mundial e o ciclo de vida é baseado em reprodução partenogenética (assexuada). Os padrões de distribuição espacial e de diversidade dos cladóceros, tanto em escala local como geográfica, têm sido intensamente discutidos através da literatura especializada. Contudo, ainda existem lacunas e inconsistências, principalmente pela falta de dados referentes a zonas de alta diversidade, como as regiões litorâneas, e limitações de amostragem, devido ao emprego principalmente de técnicas desenvolvidas para as zonas limnéticas. A proposta ora apresentada pretende estudar os cladóceros em geral, em especial o grupo dos cladóceros fitófilos, que são aqueles de hábito de vida associado às macrófitas aquáticas e ao sedimento. Estes são predominantes em zonas alagadas caracterizadas pela intensa colonização por macrófitas. Ambientes com essas características são encontrados no litoral de lagos e nas planícies de inundação de rios e reservatórios. A intensa construção de reservatórios na bacia do Prata, sobretudo aqueles de grande porte, é um processo com influência direta sobre a distribuição desse grupo, uma vez que pode ampliar as áreas permanente ou sazonalmente alagáveis. Os principais objetivos dessa proposta são: o levantamento da fauna de cladóceros em áreas selecionadas da bacia do Prata; a determinação dos padrões locais, regionais e geográficos de diversidade desse grupo zoológico; identificação e descrição de possíveis endemismos e a organização de um catálogo de identificação das espécies encontradas. Procurar-se-á também correlacionar os padrões de distribuição dos animais com as características liminológicas dos ambientes estudados (clorofila, temperatura, nitrogênio total, fósforo total, turbidez, sólidos em suspensão, oxigênio dissolvido, pH, condutividade elétrica, potencial redox e transparência da água), tipo de macrófita aquática presente e estado trófico. Para tal foram selecionados para análise 15 reservatórios e oito trechos lóticos dos principais rios e tributários da bacia do Rio da Prata, de modo a abarcar toda a extensão da bacia. As amostragens serão feitas uma única vez, no período de verão (janeiro/2010). Os cladóceros serão coletados em áreas abertas, adjacentes às macrófitas e entre as macrófitas, utilizando-se técnicas que possibilitem otimizar o esforço amostral e visando a captura da maior diversidade possível de espécies. Os cladóceros serão identificados em laboratório utilizando literatura especializada, microscópio estereoscópico, microscópio com contraste de fase e microscopia eletrônica de varredura. Contagens serão feitas sob microscópio estereoscópico. Análises estatísticas de correlação simples e multivariadas serão empregadas na análise dos dados a fim auxiliar na identificação de padrões espaciais de distribuição.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DEBASTIANI-JUNIOR, J. R.; ELMOOR-LOUREIRO, L. M. A.; NOGUEIRA, M. G. Habitat architecture influencing microcrustaceans composition: a case study on freshwater Cladocera (Crustacea Branchiopoda). Brazilian Journal of Biology, v. 76, n. 1, p. 93-100, FEB 2016. Citações Web of Science: 2.
JOSÉ ROBERTO DEBASTIANI JÚNIOR; DANILO AUGUSTO DE OLIVEIRA NALIATO; GILMAR PERBICHE-NEVES; MARCOS GOMES NOGUEIRA. Fluvial lateral environments in Río de La Plata basin: effects of hydropower damming and eutrophication. Acta Limnol. Bras., v. 28, p. -, 2016.
JOSÉ ROBERTO DEBASTIANI-JÚNIOR; LOURDES MARIA ABDU ELMOOR-LOUREIRO; MARCOS GOMES NOGUEIRA. High taxonomic resolution as a determinant on finding new species and new records in the Río de La Plata basin: a case on Chydoridae (Crustacea: Branchiopoda: Cladocera). Nauplius, v. 23, n. 1, p. -, Jun. 2015.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.