Busca avançada
Ano de início
Entree

ENSINO FUNDAMENTAL DE NOVE ANOS: ENTRE AS POLÍTICAS OFICIAIS E A PRÁTICA DE PROFESSORES QUE ENSINAM MATEMÁTICA EM EMEIFs DE PRESIDENTE PRUDENTE (SP)

Processo: 09/12081-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Ensino-aprendizagem
Pesquisador responsável:Leny Rodrigues Martins Teixeira
Beneficiário:Klinger Teodoro Ciríaco
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Formação de professores   Práticas pedagógicas

Resumo

Este trabalho encontra-se vinculado à linha de pesquisa "Práticas Educativas na Formação de Professores", do Programa de Pós-graduação, Mestrado em Educação (a inciar-se em 2010) UNESP - Presidente Prudente - e tem por objetivo uma análise qualitativa sobre a introdução dos conteúdos de Matemática no Ensino Fundamental, expressas na prática pedagógica de professores dos primeiros anos de escolarização (1º e 2º Ano) da Rede Municipal de Educação de Presidente Prudente/SP. Para tal, serão entrevistados os professores participantes da pesquisa e suas aulas de matemática serão observadas durante um o ano letivo. Serão analisados também os documentos que subsidiam pedagogicamente o trabalho na rede: Planos de Aulas, Diretrizes Pedagógicas, Subsídios e a Matriz Curricular do Ensino Fundamental do Município. Na parte empírica da pesquisa, pretendemos por meio das análises feitas identificar como os professores introduzem os conteúdos matemáticos nas séries iniciais, para assim compreendermos sua finalidade, os conceitos e a metodologia trabalhada por eles, bem como a relação desses dados com a concepção do que ensinar nestes anos de escolarização, com documentos como o Parâmetro Curricular Nacional para o Ensino Fundamental de Matemática, as Diretrizes Curriculares, as Diretrizes Pedagógicas da Rede Municipal de Educação de Presidente Prudente e a Proposta Pedagógica do Município. Em seguida analisaremos a formação destes professores, bem como a avaliação que eles fazem da sua prática e, a partir do referencial construído levantaremos dados que podem determinar as bases em que se configuram o trabalho dos professores com a Matemática. Em suma, partimos da premissa de que a Matemática deve ser apresentada aos alunos partindo da realidade em que se inserem com problemas concretos do dia a dia, neste sentido o revisitar a formação inicial dos professores torna-se imprescindível para compreender os processos de rejeição ou opção pelo ensino da Matemática.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CIRÍACO, Klinger Teodoro. Conhecimentos e práticas de professores que ensinam Matemática na infância e suas relações com ampliação do Ensino fundamental. 2012. 306 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências e Tecnologia. Presidente Prudente.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.