Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da contribuição dos hormônios vegetais na interação Moniliophthora perniciosa - Solanum lycopersicum

Processo: 09/12785-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Antonio Vargas de Oliveira Figueira
Beneficiário:Juliana Deganello
Instituição-sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/07175-0 - Análise genética da resposta de defesa de Theobroma cacao a Moniliophthora perniciosa, agente causal da vassoura-de-bruxa, AP.TEM
Assunto(s):Vassoura-de-bruxa   Genética molecular vegetal   Interações hospedeiro-patógeno   Resistência à doença

Resumo

A vassoura-de-bruxa consiste numa importante enfermidade do cacaueiro (Theobroma cacao). A doença é causada pelo basidiomiceto Moniliophthora perniciosa (Syn. Crinipellis perniciosa) e caracterizada pelos sintomas de inchamento e indução de brotações laterais nos ramos infectados. O estudo do mecanismo de resistência a esta doença é dificultado pelas características biológicas de T. cacao, que é uma espécie perene arbórea, com ciclo reprodutivo longo, e que possui baixa eficiência para o cultivo in vitro. A espécie Solanum lycopersicum (Syn. Lycopersicon esculentum), também hospedeiro do fungo M. perniciosa, apresenta uma cultivar miniatura Micro-Tom (MT) com um ciclo de vida curto, que foi proposta como um novo modelo genético, semelhante ao que se tem hoje para a Arabidopsis thaliana. A interação M. perniciosa-S. lycopersicum possibilita o uso do novo modelo genético como ferramenta para estudo da resistência a doença vassoura-de-bruxa. A avaliação do modelo será iniciada com a análise da reposta da cultivar MT à inoculações com isolados de M. perniciosa do biótipo-S e do biótipo-C, que infecta T. cacao. A interação será caracterizada pela análise de sintomas da doença, da expressão de genes envolvidos na resposta de defesa da planta, pela taxa de colonização do fungo e da expressão de genes do fungo candidatos a genes de virulência e patogenicidade. A contribuição dos hormônios vegetais no aumento da suscetibilidade ou a manifestação de resistência será avaliada por meio das alterações da resposta nos mutantes hormonais para metabolismo ou percepção existente no background genético de Micro-Tom. e posteriormente confirmadas por plantas tratadas com indutores de resistência (ácido salicílico, jasmonato e etileno). Neste projeto pretende-se demonstrar que a interação de isolados do biótipo-S e -C com Solanum lycopersicum cv. Micro-Tom pode ser utilizado como modelo de estudo para resistência a doença vassoura-de-bruxa do cacaueiro. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DEGANELLO, J.; LEAL, JR., G. A.; ROSSI, M. L.; PERES, L. E. P.; FIGUEIRA, A.. Interaction of Moniliophthora perniciosa biotypes with Micro-Tom tomato: a model system to investigate the witches' broom disease of Theobroma cacao. PLANT PATHOLOGY, v. 63, n. 6, p. 1251-1263, . (09/12785-7, 07/07175-0)
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DEGANELLO, Juliana. Avaliação da contribuição dos hormônios vegetais na interação Moniliophthora perniciosa x Solanum lycopersicum. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA/STB) Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.