Busca avançada
Ano de início
Entree

A fórmula 1 e as teorias da comunicação: transformações culturais

Processo: 09/12531-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação - Teoria da Comunicação
Pesquisador responsável:Osvando José de Morais
Beneficiário:Lucas Augusto Costa Pinto Giavoni
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa. Universidade de Sorocaba (UNISO). Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Jornalismo   Cultura (sociologia)   Automobilismo

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo analisar, à luz das teorias da comunicação, as transformações culturais ocorridas na Fórmula 1, principal categoria do esporte a motor mundial, por sua associação com as indústrias da mídia, partindo do pressuposto de Thompson de que os meios de comunicação de massa não apenas financiam e difundem formas culturais, mas também os transformam. Optou-se metodologicamente por dividir o trabalho em dois estágios. Em um primeiro momento, iremos verificar a associação de uma das invenções com maior impacto social do século XX, o automóvel, com a prática esportiva, fazendo nascer assim o automobilismo, que é dotado de vários desafios, uma vez que é composto pelo atleta e seu equipamento. Deste modo, poderemos entender o significado simbólico desta modalidade, destacando diferenças e semelhanças dos dois berços de competição: Europa e Estados Unidos, por meio de análise cultural sócio-histórica, também baseada em Thompson. Em um segundo momento, analisaremos a associação do automobilismo - sobretudo a Fórmula 1 - com a mídia, no que poderemos verificar as transformações ideológicas, no sentido de aproximação com o conceito de Indústria Cultural, de Adorno/Horkheimer, e as necessidades de extensão que o automobilismo demanda, de acordo com as propostas de McLuhan. Diante de tão poucos trabalhos específicos, procura-se intensificar o esporte a motor como objeto de estudo nas pesquisas científicas aplicadas à comunicação: a Fórmula 1, considerada a mais importante categoria, envolve diversos aspectos exploráveis nas questões midiáticas, comunicacionais e culturais em suas especificidades discursivas. (AU)