Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel do sistema-renina-angiotensina nos efeitos cardiovasculares induzidos por estresse crônico em ratos

Processo: 09/13144-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Tatiana de Sousa da Cunha Uchiyama
Beneficiário:Andrea Sanches
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Disfunção endotelial   Estresse psicológico   Hipertensão   Sistema renina-angiotensina   Fisiologia cardiovascular

Resumo

O estilo de vida inadequado das sociedades industrializadas, caracterizado por aumento da ingestão de alimentos calóricos e sedentarismo está diretamente relacionado à ocorrência de doenças cardiovasculares. Além disto, estímulos estressores também têm sido apontados como fatores de risco para o desenvolvimento de disfunção endotelial, aterosclerose e distúrbios cardiovasculares. Nosso grupo e outros já demonstraram que o aumento na atividade do sistema renina angiotensina (SRA) está relacionado à disfunção endotelial e à ocorrência aterosclerose. Sabe-se que a angiotensina II é uma citocina multifuncional que pode atuar como fator de crescimento, citocina pró-fibrinogênica, pró-inflamatória e moduladora da resposta imunológica, além de potente agente vasoconstritor. As ações da angiotensina II, via receptor AT1, incluem a ativação de moléculas de adesão, fatores de crescimento que modulam a migração de células inflamatórias para o espaço subendotelial. Além disso, a angiotensina II pode estimular a produção de espécies reativas de oxigênio, resultando em injúria vascular. Por outro lado, já foi demonstrado que o tratamento com losartan reverteu parcialmente a diminuição da resposta vasodilatadora a acetilcolina, aumentou a resposta vasoconstritora à fenilefrina e a produção de superóxido, em artérias cerebrais e carótidas de ratos. Entretanto, não se sabe qual o papel da angiotensina II sobre o desenvolvimento da disfunção endotelial induzida por estresse. Sendo assim, o objetivo deste estudo será investigar a possível participação dos componentes do SRA sobre as alterações cardiovasculares induzidas pelo ECMI, em ratos. Os resultados poderão auxiliar no entendimento dos mecanismos fisiopatológicos relacionados à disfunção cardiovascular induzida pelo estresse, possibilitando a otimização do tratamento de indivíduos acometidos por esta alteração. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FIROOZMAND, LILIA TADDEO; SANCHES, ANDREA; DAMACENO-RODRIGUES, NILSA REGINA; PEREZ, JULIANA DINEIA; ARAGAO, DANIELLE SANCHES; ROSA, RODOLFO MATTAR; MARCONDES, FERNANDA KLEIN; CASARINI, DULCE ELENA; CALDINI, ELIA GARCIA; CUNHA, TATIANA SOUSA. Blockade of AT1 type receptors for angiotensin II prevents cardiac microvascular fibrosis induced by chronic stress in Sprague-Dawley rats. STRESS-THE INTERNATIONAL JOURNAL ON THE BIOLOGY OF STRESS, v. 21, n. 6, p. 484-493, NOV 2 2018. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANCHES, Andrea. Participação do sistema renina-angiotensina nos efeitos metabólicos e cardiovasculares induzidos por estresse crônico em ratos. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Odontologia de Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.