Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de técnicas miniaturizadas de preparação de amostras na análise enantiosseletiva de fármacos quirais com diferentes características ácido-base em meio microssomal e aplicação em estudos de metabolismo in vitro

Processo: 09/14916-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2010
Vigência (Término): 30 de abril de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Pesquisador responsável:Pierina Sueli Bonato
Beneficiário:Rodrigo Almeida Simões
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Síntese assimétrica   Fármacos quirais   Miniaturização   Metabolismo   Microextração em fase líquida   Microextração em fase sólida   Cromatografia líquida de alta eficiência   Eletroforese capilar

Resumo

A importância da análise estereosseletiva na área farmacêutica é sempre muito destacada, pois diversos fármacos quirais são comercializados como misturas racêmicas, embora seus enantiômeros apresentem propriedades farmacodinâmicas e/ou farmacocinéticas estereosseletivas, requerendo métodos estereosseletivos que permitam diferenciá-los. A análise estereosseletiva empregando a cromatografia líquida de alta eficiência (HPLC) é prática e eficaz na determinação de enantiômeros ao nível de traços em matrizes complexas, por exemplo, em estudos de disposição cinética. Por outro lado, a eletroforese capilar (CE) também está se consolidando como uma ferramenta poderosa para a análise de fármacos quirais. Qualidades como alta eficiência de separação, uso praticamente nulo de solventes orgânicos entre outras, torna esta técnica bastante promissora. Para a utilização dessas técnicas no desenvolvimento de métodos bioanalíticos é necessário um passo pré-analítico: a preparação das amostras. As técnicas mais utilizadas para essa finalidade são a extração líquido-líquido e a extração em fase sólida. Entretanto, essas técnicas apresentam algumas desvantagens, sendo a principal delas o uso de grandes quantidades de solventes. Assim, a microextração em fase sólida (SPME) e a microextração em fase líquida (LPME), técnicas relativamente recentes, destacam-se por terem como vantagens a utilização de quantidades mínimas de solventes orgânicos, o alto poder de concentração, a remoção dos interferentes da matriz biológica e a simplicidade de automação. Nesse trabalho, propomos a utilização da SPME e LPME como técnicas de preparação de amostras biológicas, visando o desenvolvimento de métodos estereosseletivos com detectabilidade e seletividade adequadas para aplicações em estudos de metabolismo in vitro enantiosseletivos de fármacos quirais. HPLC (preferencialmente acoplada a espectrometria de massas) e CE serão empregadas como técnicas analíticas. Os fármacos escolhidos como objeto do estudo têm comportamento ácido-base diferentes, sendo eles: etodolac (ácido), isradipina (neutro) e ranolazina (básico). (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SIMÕES, Rodrigo Almeida. Avaliação de técnicas miniaturizadas de preparação de amostras na análise enantiosseletiva de fármacos quirais com diferentes características ácido-base em meio microssomal e aplicação em estudos de metabolismo in vitro. 2012. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.