Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos evolutivos em Auchenipteridae (Siluriformes): citogenética, DNA mitocondrial e DNA satélite

Processo: 09/15780-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Orlando Moreira Filho
Beneficiário:Roberto Laridondo Lui
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Biogeografia   Evolução cromossômica

Resumo

Auchenipteridae, que é restrita a região Neotropical, compreende 20 gêneros e cerca de 90 espécies, das quais 74 já foram registradas para o território brasileiro. Esta família é dividida em duas subfamílias, Centromochlinae, que é representada por 4 gêneros, entre eles, Glanidium, e Auchenipterinae, que é representada pelos outros 16, entre eles, Trachycorystes, Auchenipterus, Ageneiosus, Trachelyopterus e Parauchenipterus, este último, o qual possui uma história taxonômica confusa desde sua criação. Os estudos citogenéticos nesta família são escassos, restritos basicamente a número diplóide, impregnação pela prata e bandamento C. Estudos relacionados com o isolamento de DNA satélite e obtenção de seqüências de DNA mitocondrial ainda não foram realizados no grupo. Entretanto, a utilização de DNA satélite em diversos organismos vem se mostrando de grande importância para estudos evolutivos, principalmente em casos em que se obtêm seqüências espécie-específicas e/ou cromossomo-especificas. As seqüências de DNA mitocondrial, que são consideradas eficientes marcadores moleculares para análises intra e inter-específicas, podem ter múltiplas aplicações, como estudos biogeográficos, análises de zonas de hibridação e relações filogenéticas, entre outros. O presente projeto tem por objetivo realizar estudos evolutivos em diferentes espécies de Auchenipteridae pertencentes aos gêneros Parauchenipterus, Trachelyopterus, Trachycorystes, Auchenipterus, Ageneiosus e Glanidium através de ferramentas citogenéticas clássicas e moleculares, seqüências de DNA mitocondrial e DNA satélite. Através destes dados, compreender quais foram os rearranjos cromossômicos relacionados à diversificação destes gêneros e a forma com que as espécies a eles relacionadas evoluíram, baseadas em DNAs repetitivos e regiões de DNA mitocondrial, propondo hipóteses sobre as relações filogenéticas em Auchenipteridae, e quando possível, as relações biogeográficas entre as populações/espécies presentes em distintas bacias hidrográficas, e subsidiar dados para a solução da problemática envolvendo a validade de Parauchenipterus.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUI, R. L.; BLANCO, D. R.; MOREIRA-FILHO, O.; MARGARIDO, V. P. Propidium iodide for making heterochromatin more evident in the C-banding technique. BIOTECHNIC & HISTOCHEMISTRY, v. 87, n. 7, p. 433-438, OCT 2012. Citações Web of Science: 31.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.