Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação entre fluorescência vermelha emitida pelo biofilme dentário e atividade de cárie

Processo: 09/16082-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2010
Vigência (Término): 31 de maio de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontopediatria
Pesquisador responsável:Fausto Medeiros Mendes
Beneficiário:Tatiane Fernandes de Novaes
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cárie dentária

Resumo

Os objetivos deste projeto são (1) avaliar in vivo a reprodutibilidade e validade do QLF e DIAGNOdent pen associados a atividade de cárie oclusal em dentes decíduos, bem como a associação entre a presença de biofilme fluorescente no vermelho e a atividade de cárie; (2) avaliar in vivo a validade do QLF e DIAGNOdent pen associados a atividade de cárie em dentes decíduos; (3) avaliar a influência do biofilme fluorescente no vermelho na predição de lesões de cárie em primeiros molares permanentes em erupção. Para o objetivo (1), serão selecionadas 150 crianças de 3 e 9 anos com pelo menos um molar decíduo, que serão examinadas quanto à presença de placa e sangramento, experiência de cárie e avaliação da placa fluorescente no vermelho com o QLF. Numa segunda sessão, os dentes serão reavaliados quanto à atividade de cárie utilizando o sistema ICDAS II, DIAGNOdent pen e QLF. A validação desses métodos será feita pelo consenso dos examinadores utilizando o sistema ICDAS II. Para o objetivo (2), da amostra anterior, 50 dentes exfoliados ou extraídos serão seccionados e validados histologicamente usando corante indicador de pH. Por fim, para o objetivo (3), serão selecionados 100 crianças com pelo menos um primeiro molar permanente em erupção sem lesão de cárie, sendo avaliados os mesmos parâmetros clínicos do subprojeto I. Uma semana depois, será utilizado o DIAGNOdent pen e o QLF será reutilizado para avaliação da placa fluorescente em vermelho e da perda de fluorescência observada. As crianças serão reavaliados da mesma forma 1, 3, 6, 9 e 12 meses após esse exame clínico inicial.

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BITTAR, DANIELA G.; PONTES, LAURA REGINA A.; CALVO, ANA FLAVIA B.; NOVAES, TATIANE F.; BRAGA, MARIANA M.; FREITAS, PATRICIA M.; TABCHOURY, CINTHIA P. M.; MENDES, FAUSTO M. Is the red fluorescence of dental plaque related to its cariogenicity?. Journal of Biomedical Optics, v. 19, n. 6 JUN 2014. Citações Web of Science: 13.
NOVAES, TATIANE F.; MATOS, RONILZA; GIMENEZ, THAIS; BRAGA, MARIANA M.; DE BENEDETTO, MONIQUE S.; MENDES, FAUSTO M. Performance of fluorescence-based and conventional methods of occlusal caries detection in primary molars - an in vitro study. International Journal of Paediatric Dentistry, v. 22, n. 6, p. 459-466, NOV 2012. Citações Web of Science: 20.
NOVAES, TATIANE FERNANDES; MATOS, RONILZA; CELIBERTI, PAULA; BRAGA, MARIANA MINATEL; MENDES, FAUSTO MEDEIROS. The influence of interdental spacing on the detection of proximal caries lesions in primary teeth. Brazilian Oral Research, v. 26, n. 4, p. 293-299, JUL-AUG 2012. Citações Web of Science: 4.
NOVAES, TATIANE FERNANDES; MATOS, RONILZA; RAGGIO, DANIELA PROCIDA; BRAGA, MARIANA MINATEL; MENDES, FAUSTO MEDEIROS. Children's discomfort in assessments using different methods for approximal caries detection. Brazilian Oral Research, v. 26, n. 2, p. 93-99, MAR-APR 2012. Citações Web of Science: 9.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
NOVAES, Tatiane Fernandes de. Utilização de métodos baseados em fluorescência para avaliação da atividade de lesoes de cárie oclusais em molares decíduos. 2013. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.