Busca avançada
Ano de início
Entree

Processos de reconstrução frente aos desastres relacionados às chuvas no Brasil: uma análise dos discursos e das práticas dos afetados e do Estado

Processo: 09/54877-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2010
Vigência (Término): 02 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Serviço Social - Serviço Social Aplicado
Pesquisador responsável:Norma Felicidade Lopes da Silva Valencio
Beneficiário:Victor Marchezini
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Assistência social   Desastres ambientais   Vulnerabilidade social   Chuva

Resumo

Desde um ponto de vista sociológico, desastres não são naturais, mas sim o resultado da interação entre um fenômeno natural - no caso as chuvas - e uma dada organização social, que culmina numa quantidade de danos ambientais, materiais e humanos. Dentre os danos humanos, têm-se as famílias desalojadas e desabrigadas, as quais têm o território de suas casas danificado ou destruído ou em área considerada de risco e, pelas medidas de evacuação sob a ordem do Estado, são desterritorializados do local. Famílias desalojadas terão como alternativa de habitação temporária, a casa de parente-amigos ou receberão do Estado auxílio-moradia para alugarem uma casa, enquanto as famílias desabrigadas têm de recorrer aos abrigos temporários organizados em escolas públicas, ginásios poliesportivos etc. Nessas habitações temporárias, famílias desalojadas e desabrigadas teriam de: lidar com os danos materiais e imateriais sofridos; de tentar desenvolver estratégias recuperativas - resiliências - a fim de tentar superá-los; e, de aguardar a possível reterritorialização, com o processo de construção de novas casas pelo Estado. O objetivo deste projeto é descrever e analisar sociologicamente as lógicas de poder, os discursos e as práticas do Estado e dos afetados no processo de reconstrução frente aos desastres relacionados às chuvas no Brasil. Para tanto, os procedimentos metodológicos para sua realização têm como base: a revisão do estado da arte, a pesquisa documental e a pesquisa de campo de base qualitativa com a realização de um estudo de caso. Espera-se que esta pesquisa sociológica possa gerar subsídios para as políticas públicas de gestão de desastres no Brasil. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARCHEZINI, VICTOR; IWAMA, ALLAN YU; PEREIRA, DANILO CELSO; DA CONCEICAO, RODRIGO SILVA; TRAJBER, RACHEL; OLIVATO, DEBORA. Designing a Cultural Heritage Articulated Warning System (CHAWS) strategy to improve disaster risk preparedness in Brazil. DISASTER PREVENTION AND MANAGEMENT, v. 29, n. 1, SI, p. 65-85, MAY 7 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.