Busca avançada
Ano de início
Entree

Mapeamento da região genômica associada a aposporia (ASGR) em uma população segregante de Brachiaria humidicola

Processo: 10/50032-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 14 de dezembro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Bianca Baccili Zanotto Vigna
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Gramíneas forrageiras   Brachiaria   Apomixia   Mapeamento genético   Melhoramento genético vegetal   Repetições de microssatélites

Resumo

A pecuária bovina brasileira baseia-se na utilização de pastagens de forrageiras com alto valor nutricional para alimentação do rebanho. Dentre as várias opções de forrageiras tropicais, há o predomínio das gramíneas, principalmente algumas espécies do gênero Brachiaria originárias do leste da África, que dominam o mercado forrageiro no país. Brachiaria humidicola apresenta diversas características de interesse agronômico e está incluída no programa de melhoramento de forrageiras tropicais da Embrapa Gado de Corte - Campo Grande/MS. Dentre os desafios do melhoramento de forrageiras tropicais, está a dificuldade em compreender o mecanismo da reprodução por apomixia e a identificação precoce do modo de reprodução em progênies híbridas. A apomixia é uma forma de reprodução assexuada presente em mais de 35 famílias de plantas onde há a produção de sementes clones às plantas mães. O presente projeto visa construir um mapa genético de Brachiaria humidicola, e nele mapear o(s) gene(s) da apomixia do tipo aposporia, em uma população segregante F1 através de marcadores microssatélites e TRAP (Targeted Region Amplified Polymorphism). O desenvolvimento destes marcadores torna possível a construção do mapa de ligação e o posterior mapeamento de características de interesse agronômico e seu uso em seleção assistida no programa de melhoramento de braquiárias. A identificação de marcadores associados à apomixia é de grande utilidade para a identificação precoce do modo de reprodução no processo de melhoramento genético de forrageiras, ajudando a reduzir o tempo de lançamento de uma nova cultivar. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIGNA, BIANCA B. Z.; SANTOS, JEAN C. S.; JUNGMANN, LETICIA; DO VALLE, CACILDA B.; MOLLINARI, MARCELO; PASTINA, MARIA M.; PAGLIARINI, MARIA SUELY; GARCIA, ANTONIO A. F.; SOUZA, ANETE P. Evidence of Allopolyploidy in Urochloa humidicola Based on Cytological Analysis and Genetic Linkage Mapping. PLoS One, v. 11, n. 4 APR 22 2016. Citações Web of Science: 5.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
VIGNA, Bianca Baccili Zanotto. Estudos genético-moleculares em Brachiaria humidicola (Rendle) Schweick. (Poaceae). 2010. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Biologia.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.