Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da leucina sobre a adiposidade em ratos: um estudo de parâmetros metabólicos, endócrinos e de diferenciação do tecido adiposo branco (TAB)

Processo: 10/50093-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Fabio Bessa Lima
Beneficiário:Francisco Leonardo Torres Leal
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Metabolismo   Adipogenia   Obesidade   Leucina   Perda de peso

Resumo

Na tentativa de reverter o quadro de obesidade, pesquisas destacam os efeitos da leucina como possível estratégia terapêutica no combate ao excesso de gordura corporal. No entanto, outros estudos com suplementação de leucina, demonstraram discordâncias sobre os efeitos desta estratégia nutricional na prevenção ou tratamento da obesidade, no controle glicêmico, no perfil lipídico e na manutenção do estado nutricional protéico. Porém, pouco se conhece sobre os efeitos da suplementação com leucina na gordura corporal e suas complicações associadas a uma dieta hipercalórica. Nesse contexto, torna-se relevante investigar os efeitos da leucina sobre a dinâmica do tecido adiposo em ratos obesos alimentados com dieta normocalórica ou hipercalórica. Assim, o objetivo do presente projeto é investigar os efeitos da ingestão de leucina sobre a adiposidade em ratos alimentados com dietas normocalórica ou hipercalórica, alguns parâmetros metabólicos e endócrinos circulantes e marcadores da adipogênese em dois distintos coxins adiposos. Inicialmente, na primeira etapa, serão utilizados ratos Wistar, machos, adultos, distribuídos em dois grupos: a) Grupo hipercalórico (n = 8), com consumo de dieta rica em sacarose 30%, e b) Grupo controle (n = 8), com consumo de ração controle. Após o período de 4 semanas, os animais de ambos os grupos serão eutanasiados para a caracterização das alterações encontradas no processo de obesidade baseline. A segunda etapa será composta por 6 grupos: i) ratos magros (n = 8); ii) ratos magros + leucina (n = 8); iii) ratos obesos + sacarose a 30% (n = 8); iv) ratos obesos + sacarose a 30% + leucina (n = 8); v) ratos obesos + dieta normocalórica (n = 8); vi) ratos obesos + dieta normocalórica + leucina (n = 8). Ao final do período experimental de 4 semanas de tratamento, os animais de cada grupo serão eutanasiados e, a partir da coleta dos coxins adiposos e dos pré-adipócitos obtidos da fração de células multipotentes do estroma vascular, serão avaliadas. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LEAL, Francisco Leonardo Torres. Leucina intensifica o ganho de adiposidade e as respostas metabólicas do tecido adiposo em ratos previamente obesos por dieta hiperlipídica e a gordura subcutânea é uma das mais afetadas.. 2012. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.