Busca avançada
Ano de início
Entree

Relação entre estado nutricional, cárie, exposição ao açúcar e fatores sociais em pré-escolares de 3 a 5 anos de idade

Processo: 10/01695-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Marines Nobre dos Santos Uchôa
Beneficiário:Marcela Pinto Monteiro de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Odontopediatria   Pré-escolar   Cárie dentária   Índice de massa corporal   Obesidade

Resumo

O mecanismo pelo qual a obesidade está associada à cárie dentária é complexo e difícil de ser estabelecido. Os dados da literatura sobre a relação entre obesidade e cárie dentária ainda são escassos e conflitantes, havendo assim a necessidade de estudos com delineamento preciso e amostra representativa da população para obtenção de resultados confiáveis. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho será verificar se pré escolares de 3 a 5 anos de idade da cidade de Teresina-PI, com sobrepeso ou obesos, apresentam maior chance de desenvolver cárie dental. Para isto serão examinadas 377 crianças, com a dentição decídua completa. A prevalência de cárie das mesmas será determinada de acordo com o critério da Organização Mundial de Saúde (OMS) incluindo lesões iniciais de mancha branca, pelo método de inspeção visual. As variáveis corporais, peso e altura, serão mensuradas para se calcular o índice de massa muscular (IMC=peso/altura2). A dieta e os fatores ambientais e comportamentais serão avaliados por meio de um questionário semi-estruturado que será aplicado aos pais/responsáveis das crianças examinadas. A associação entre a cárie precoce da infância e IMC e a dieta serão avaliados utilizando-se o teste qui-quadrado. Após este teste, as variáveis que alcançarem significância estatística serão analisadas por regressão logística múltipla, considerando-se um nível de significância de 5%.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.