Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização, isolamento e cultura de espermatogônias primárias de curimbatá, Prochilodus lineatus (Valencienes, 1847)

Processo: 10/01899-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia
Pesquisador responsável:Maria Ines Borella
Beneficiário:Gisele Cristiane de Melo Dias
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cultura de células   Testículo

Resumo

Curimbatá (Prochilodus lineatus) é uma espécie sulamericana de teleósteo com grande potencial para o comércio e o consumo. Por ser uma espécie de piracema, sua reprodução em cativeiro não ocorre naturalmente, ou seja, sem indução hormonal. A importância ecológica desta espécie é atestada pela presença em abundância de curimbatás nas grandes bacias hídricas de toda a América do Sul. A rusticidade e hábito alimentar iliófago favorecem o cultivo deste peixe em estações de piscicultura, para uso da carne como alimento, assim como para fins esportivos de pesca recreativa. Obter métodos que garantam ou facilitem a manutenção de espécies de interesse econômico e ecológico como o curimbatá, e/ou espécies ameaçadas de extinção, ou que tenham algum problema na produção e/ou liberação destes gametas, é de interesse geral. A pesquisa acadêmica pode colaborar com a obtenção destes métodos através do estudo da reprodução como um todo, dos órgãos reprodutivos, e, em especial, dos processos de regulação da diferenciação das células germinativas. Desta forma, o estabelecimento de culturas de células germinativas e sua diferenciação em gametas prontos para a fertilização in vitro seria de grande importância, uma vez que a espermatogênese é um processo altamente complexo e a sua regulação não é totalmente compreendida. Portanto, o objetivo do presente trabalho é o reconhecimento das células germinativas testiculares, e a padronização de técnicas de isolamento, manutenção em cultura e diferenciação destas espermatogônias primárias in vitro. Os estudos morfológicos por meio de análises morfométricas, histoquímicas e imuno-histoquímicas, aliados a condições específicas de cultura celular, poderão esclarecer alguns aspectos da diferenciação espermatogonial, e através do uso de diferentes fatores de diferenciação celular em cultura, poderemos aprimorar o entendimento da regulação do processo diferencial das células germinativas. Os resultados deste trabalho irão contribuir para futuros estudos visando a produção de espermatozóides in vitro.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE MELO DIAS, GISELE CRISTIANE; CASSEL, MONICA; OLIVEIRA DE JESUS, LAZARO WENDER; BATLOUNI, SERGIO RICARDO; BORELLA, MARIA INES. Spermatogonia, Germline Cells, and Testicular Organization in the Characiform Prochilodus lineatus Studied Using Histological, Stereological, and Morphometric Approaches. Anatomical Record-Advances in Integrative Anatomy and Evolutionary Biology, v. 300, n. 3, p. 589-599, MAR 2017. Citações Web of Science: 1.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DIAS, Gisele Cristiane de Melo. Caracterização, isolamento e cultura de espermatogônias primárias de curimbatá, Prochilodus lineatus (Valencienes, 1847).. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.