Busca avançada
Ano de início
Entree

Morfoanatomia e fitoquímica de espécies da subtribo Lychnophorinae (Asteraceae: Vernonieae) como subsídios para a análise filogenética do grupo

Processo: 10/02085-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2010
Vigência (Término): 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Morfologia Vegetal
Pesquisador responsável:Beatriz Appezzato da Glória
Beneficiário:Makeli Garibotti Lusa
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/16071-1 - Adaptações morfoanatômicas de espécies da subtribo Lychnophorinae (Asteraceae: Vernonieae) às condições ambientais, BE.EP.DR
Assunto(s):Fitoquímica   Anatomia vegetal

Resumo

Morfoanatomia e fitoquímica de espécies da subtribo Lychnophorinae (Asteraceae: Vernonieae) como subsídios para a análise filogenética do grupo". Asteraceae é a maior família dentre as angiospermas, possuindo cerca de 1.600 gêneros e 23.000 espécies. A família possui 20 tribos, sendo que Vernonieae é o grupo menos compreendido. Dentro de Lychnophorinae existem vários táxons não investigados quimicamente, assim como dúvidas no posicionamento filogenético dos mesmos. As lactonas sesquiterpênicas (LSTs) são substâncias que podem estar relacionadas à proteção contra a herbivoria. Devido a sua enorme variedade estrutural, muitas delas são consideradas marcadores quimiotaxonômicos de membros de Asteraceae, incluindo subtribos e gêneros de Lychnophorinae, o que certamente pode servir como valiosa ferramenta de auxílio para a filogenia. Para o presente estudo, foram eleitas espécies chaves dentro de Lychnophorinae. Os metabólitos secundários geralmente estão associados às estruturas secretoras. Em Asteraceae, o valor taxonômico dessas estruturas é indiscutível. As análises estruturais das espécies eleitas poderão fornecer indicativos importantes sobre a evolução da estrutura no grupo. Assim, os objetivos desse estudo são: fornecer novos dados à análise filogenética de Lychnophorinae já em curso; identificar o sítio de secreção dos metabólitos secundários; e compreender a evolução das estruturas secretoras, bem como a evolução química do grupo. As coletas serão realizadas na Serra da Canastra, na Serra do Cipó e Serra do Caraça, no Estado de Minas Gerais, e no Morro do Chapéu e na Chapada Diamantina, no Estado da Bahia. Para as análises anatômicas serão coletadas, a partir de plantas adultas, amostras de caule e de folhas jovens e adultas. Para as análises fitoquímicas será realizada cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) utilizando-se coluna monolítica de fase reversa. Os dados obtidos com estas análises serão comparados com a literatura disponível.

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUSA, MAKELI GARIBOTTI; PATRICE LOEUILLE, BENOIT FRANCIS; CICCARELLI, DANIELA; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ. Evolution of Stem and Leaf Structural Diversity: a Case Study in Lychnophorinae (Asteraceae). BOTANICAL REVIEW, v. 84, n. 3, p. 203-241, SEP 2018. Citações Web of Science: 3.
LUSA, MAKELI GARIBOTTI; PATRICE LOEUILLE, BENOIT FRANCIS; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ. First record of phytomelanin in aerial vegetative organs and its evolutionary implications in Lychnophorinae (Vernonieae: Asteraceae). PERSPECTIVES IN PLANT ECOLOGY EVOLUTION AND SYSTEMATICS, v. 33, p. 18-33, AUG 2018. Citações Web of Science: 1.
LUSA, MAKELI G.; DA COSTA, FERNANDO B.; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ. Histolocalization of chemotaxonomic markers in Brazilian Vernonieae (Asteraceae). Botanical Journal of the Linnean Society, v. 182, n. 3, p. 581-593, NOV 2016. Citações Web of Science: 5.
LUSA, MAKELI G.; MARTUCCI, MARIA E. P.; LOEUILLE, BENOIT F. P.; GOBBO-NETO, LEONARDO; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ; DA COSTA, FERNANDO B. Characterization and evolution of secondary metabolites in Brazilian Vernonieae (Asteraceae) assessed by LC-MS fingerprinting. Botanical Journal of the Linnean Society, v. 182, n. 3, p. 594-611, NOV 2016. Citações Web of Science: 8.
LUSA, MAKELI GARIBOTTI; CARDOSO, ELAINE CRISTINA; MACHADO, SILVIA RODRIGUES; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ. Trichomes related to an unusual method of water retention and protection of the stem apex in an arid zone perennial species. AOB PLANTS, v. 7, 2015. Citações Web of Science: 10.
LUSA, MAKELI GARIBOTTI; APPEZZATO-DA-GLORIA, BEATRIZ; LOEUILLE, BENOIT; BARTOLI, GIACOMO; CICCARELLI, DANIELA. Functional groups in Lychnophorinae (Asteraceae: Vernonieae) based on morphological and anatomical traits. Australian Journal of Botany, v. 62, n. 2, p. 150-163, 2014. Citações Web of Science: 12.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.