Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do treinamento aeróbio na etapa de promoção da hepatocarcinogênese química em ratos Wistar obesos

Processo: 10/03056-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Luís Fernando Barbisan
Beneficiário:Marco Aurélio de Aguiar e Silva
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Obesidade   Treinamento aeróbio

Resumo

A atividade física tem se mostrado eficiente na melhoria da qualidade de vida de pacientes obesos e/ou com câncer e tem mostrado efeitos benéficos contra a carcinogênese de cólon e mama em roedores. Desta forma, o presente estudo pretende avaliar o efeito benéfico do treinamento aeróbico sobre a etapa de promoção da hepatocarcinogênese química em ratos Wistar alimentados com uma dieta de cafeteria (hiperlipídica/hipercalórica) e com baixos níveis de zinco. Os animais receberão dose única i.p. de 200 mg/kg de dietilnitrosamina no início do experimento para iniciação da hepatocarcinogênese. Duas semanas depois, os animais receberão quatro doses orais de 200 mg/Kg de 2-acetilaminofluoreno (2-AAF) e mais duas doses de 75 mg/kg de 2-AAF, dois e quatro dias após hepatectomia parcial de 70%. Na sexta semana do experimento, os animais receberão dieta padrão (DP com 2900 kcal/kg, Grupos 1 e 2) ou dieta de cafeteria (DC com 4200 kcal/kg, Grupos 3 e 4) até o final da 22a semana do experimento. Os animais dos Grupos 2 e 4 serão submetidos a cinco seções semanais de natação (treinados) da 14a a 22a semana do experimento. Ao final da 22a semana, os animais serão eutanasiados e amostras de fígado serão coletadas para análise histológica, imunoistoquímica, e bioquímica. O número, tamanho médio e porcentagem de área hepática ocupada por lesões pré-neoplásicas (LPN) em remodelação ou persistentes, e a incidência de lesões neoplásicas serão analisadas e comparadas entre os diferentes grupos experimentais. Além disso, os níveis de esteatose hepática, proliferação celular pelo PCNA e de apoptose nas LPN e tumores (adenomas) serão comparados entre os diferentes grupos experimentais. Os níveis de glutationa total e reduzida e de malonaldeído hepáticos serão quantificados por HPLC. Ao final do estudo pretende-se avaliar se o treinamento aeróbico teve efeito benéfico na modulação do processo de hepatocarcinogênese em ratos obesos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
AGUIAR E SILVA, MARCO AURELIO; VECHETTI-JUNIOR, IVAN JOSE; DO NASCIMENTO, ANDRE FERREIRA; FURTADO, KELLY SILVA; AZEVEDO, LUCIANA; RIBEIRO, DANIEL ARAKI; BARBISAN, LUIS FERNANDO. Effects of swim training on liver carcinogenesis in male Wistar rats fed a low-fat or high-fat diet. APPLIED PHYSIOLOGY NUTRITION AND METABOLISM, v. 37, n. 6, p. 1101-1109, DEC 2012. Citações Web of Science: 6.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Marco Aurélio de Aguiar e. Efeitos do treinamento aeróbio na hepatocarcinogênese química em ratos Wistar alimentados com dieta basal ou hiperlipídica. 2012. 30 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho". Instituto de Biociências de Botucatu..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.