Busca avançada
Ano de início
Entree

Utilização de complexo multienzimático e fontes lipídicas em rações isoenergéticas e isoprotéicas para frangos de corte

Processo: 10/03758-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Antonio Celso Pezzato
Beneficiário:Gustavo Do Valle Polycarpo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Alimentação animal   Desempenho animal   Ração   Enzimas   Vísceras   Lipídeos   Frangos de corte

Resumo

O objetivo dessa pesquisa será avaliar os efeitos de dois níveis de inclusão de óleo degomado de soja e óleo de vísceras de aves em rações isoenergéticas e isoprotéicas suplementadas com complexo multienzimático. O primeiro experimento irá determinar o efeito das fontes lipídicas em rações com complexo multienzimático sobre o coeficiente de metabolizabilidade dos nutrientes, valores de energia metabolizável aparente, e corrigida pelo balanço de nitrogênio e atividade enzimática pancreática. Serão utilizados 150 pintos da linhagem Cobb alojados em 30 gaiolas de metabolismo, o delineamento será inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 2 + 2, duas fontes de óleo (óleo degomado de soja e óleo de vísceras de aves) com dois níveis de inclusão (2 e 4%) em rações suplementadas com complexo multienzimático, e dois tratamentos controle sem adição de óleo, com complexo multienzimático (positivo) e sem complexo multienzimático (negativo). No segundo experimento o objetivo será avaliar a adição das fontes lipídicas em rações com complexo multienzimático sobre o desempenho de frangos de corte. Serão utilizados 840 pintos distribuídos inteiramente ao acaso em esquema fatorial 2 x 2 + 2, duas fontes de óleo (óleo degomado de soja e óleo de vísceras de aves) com dois níveis de inclusão (2 e 4%), em rações com complexo multienzimático, e dois tratamentos controle sem adição de óleo, com complexo multienzimático (positivo) e sem complexo multienzimático (negativo), com quatro repetições de 35 aves. As variáveis analisadas serão peso corporal, ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, mortalidade e índice de eficiência produtiva. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)