Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução morfológica e modularidade

Processo: 10/04497-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Quantitativa
Pesquisador responsável:Gabriel Henrique Marroig Zambonato
Beneficiário:Diogo Amaral Reboucas Melo
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Evolução molecular   Genética populacional   Filogenia

Resumo

O projeto consiste no estudo de modelos computacionais para a evolução de traços quantitativos sujeitos a variados tipos de pressões seletivas. A situação de maior interesse é a manutenção de padrões de correlação entre os caracteres e o efeito dessa seleção estabilizadora na distribuição de fenótipos da população. Além disso, procuramos analisar o efeito da filogenia, número de traços sob seleção e aparecimento de modularidade nas características dos indivíduos. O uso de simulações numéricas se presta imensamente a esse tipo de estudo, por possibilitar um conhecimento real sobre a história evolutiva das populações estudadas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MELO, DIOGO; MARROIG, GABRIEL. Directional selection can drive the evolution of modularity in complex traits. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v. 112, n. 2, p. 470-475, JAN 13 2015. Citações Web of Science: 32.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DIOGO AMARAL REBOUÇAS MELO. Evolução morfológica e modularidade. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.