Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização fenotipica e genotípica de isolados clínicos e ambientais de Cryptococcus gattii do Estado de São Paulo

Processo: 10/04508-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Marcia de Souza Carvalho Melhem
Beneficiário:Dayane Cristina da Silva Santos
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cryptococcus gattii   Técnicas de genotipagem   Micologia

Resumo

Cryptococcus gattii é uma levedura capsulada causadora da criptococose pulmonar e sistêmica, com tropismo para sistema nervoso central de pacientes imunocompetentes, ou não. A identificação de fontes ambientais se faz necessária para avaliar fontes de exposição a esse agente, identificar a variabilidade genética e fenotípica de membros dessa espécie e investigar resistência a antifúngicos. O isolamento deste fungo pode ser feito a partir de galhos e ocos de árvores e folhas e a caracterização da espécie deve ser realizada por tipagem molecular. Testes de sensibilidade frente a diferentes diluições de antifúngicos são necessários para determinar as concentrações mínimas inibitórias (MIC) das drogas. O objetivo do estudo é avaliar cepas ambientais e clínicas de C. gattii. Este estudo irá analisar a frequência de fenótipos de resistência a fluconazol e anfotericina B, por método de referência por microdiluição. Curvas de morte serão processadas para investigar a ação fungicida in vitro da anfotericina B. Os genótipos do agente serão determinados, pela técnica PCR-RFLP. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA, DAYANE C.; MARTINS, MARILENA A.; SZESZS, MARIA WALDEREZ; BONFIETTI, LUCAS X.; MATOS, DULCILENA; MELHEM, MARCIA S. C.. Susceptibility to antifungal agents and genotypes of Brazilian clinical and environmental Cryptococcus gattii strains. DIAGNOSTIC MICROBIOLOGY AND INFECTIOUS DISEASE, v. 72, n. 4, p. 332-339, . (10/04508-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.