Busca avançada
Ano de início
Entree

Criação de uma ferramenta hipermídia para promoção da saúde auditiva em jovens usuários de dispositivos sonoros portáteis individuais

Processo: 10/04816-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Andréa Cintra Lopes
Beneficiário:Nicolle Carvalho Sant'Ana
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Audiologia   Saúde auditiva   Música   Jovens

Resumo

A música está sempre presente em nossa vida diária, estabelecendo uma ligação entre os seres humanos e a arte através de sensação e prazer. Entretanto, se usamos a música de forma inapropriada, o ruído pode ter um impacto adverso na nossa função auditiva. Aproximadamente 15 milhões de pessoas têm deficiência auditiva no Brasil e 350 mil não conseguem ouvir nada. A causa da alteração auditiva é diversa, e a exposição a dispositivos sonoros portáteis individuais pode ser uma delas. O grande espaço para armazenamento e a bateria de longa duração dos aparelhos contribuem para que os usuários ouçam música durante horas sem parar, muitas vezes em um volume longe do que seria o aconselhável.A mídia tem apoiado a prevenção da perda auditiva da população brasileira, trazendo dados sobre suas causas, efeitos e prejuízos nos dias de hoje, sendo uma forte fonte difusora de informação e um veículo eficiente no apoio a conscientização da população. Contudo, o ideal seria a realização de campanhas de prevenção verdadeiramente efetivas. Atualmente, estas campanhas têm sido voltadas para crianças e adolescentes, alertando sobre o perigo da música intensa, tempo de exposição usando os fones auriculares e a potência adequada para se ouvir música. A Telessaúde é uma das ferramentas usadas para a promoção da saúde, visto que ela inclui sistemas de suporte ao processo de cuidado à saúde pelo fornecimento de meios mais efetivos e eficientes de trocas de informações. Avanços na tecnologia, particularmente na última década, tem influenciado muito a indústria de cuidados da saúde. Nesse ambiente, o campo da audiologia testemunhou tais mudanças. Diante disso, a Teleaudiologia mostra-se promissora, mas encontra-se em estágios primários de desenvolvimento, necessitando de investigações sistemáticas nas áreas de custo, aceitação e testes de eficácia.O uso de materiais multimídias pode ser o mais indicado para a conscientização e promoção da saúde auditiva em adolescentes. Sendo assim, o objetivo geral deste estudo será a elaboração de um material hipermídia para esta população.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANT'ANA, Nicolle Carvalho. Criação de uma ferramenta hipermídia para a promoção da saúde auditiva em jovens usuários de dispositivos sonoros portáteis individuais. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia de Bauru Bauru.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.