Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação de vias de auto-renovação de células tronco hematopoiéticas em síndromes mielodisplásicas e Leucemia Mieloide Aguda

Processo: 10/50682-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Sara Teresinha Olalla Saad
Beneficiário:Juliana Martins Xavier da Silva
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Células-tronco hematopoéticas   Síndromes mielodisplásicas   Leucemia mieloide aguda   Hematopoese   Transdução de sinais

Resumo

A hematopoese ocorre através do contato com diversos tipos celulares que compõem o estroma hematopoiético. Esse ambiente proporciona nichos específicos que mantém o balanço entre auto-renovação e diferenciação. Estudos mostram que as células iniciadoras de Leucemia possuem um imuno-fenótipo mais maduro quando comparada a células tronco hematopoiéticas (HSCs) normais, mas adquiriram um potencial de auto-renovação e de habilidade de propagar através da sua transformação oncogênica. A Leucemia Mielóide Aguda (LMA) pode ser proveniente da evolução das Síndromes Mielodisplásicas (SMDs). Que compreendem um grupo heterogêneo de desordens da medula óssea caracterizadas por falha na diferenciação da HSC e distúrbios na apoptose. Resultados preliminares têm mostrado que vias de auto-renovação em que participam as proteínas Notch, Nanog, BMI 1 e Hedgehog estão desreguladas nas SMDs e em LMA. Tendo em vista as vias de sinalização que regem as interações das HSCs com o nicho, principalmente no balanço entre a auto-renovação e a diferenciação, surge o objetivo geral do projeto que é estudar in vivo e in vitro estas vias em modelos de SMD e LMA. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
XAVIER-FERRUCIO, JULIANA; RICON, LAUREMILIA; VIEIRA, KARLA; LONGHINI, ANA LEDA; LAZARINI, MARIANA; BIGARELLA, CAROLINA LOUZAO; FRANCHI, JR., GILBERTO; KRAUSE, DIANE S.; SAAD, SARA T. O. Hematopoietic defects in response to reduced Arhgap21. STEM CELL RESEARCH, v. 26, p. 17-27, JAN 2018. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.