Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação cefalométrica eletromiográfica, da simetria muscular e da dor dos músculos da mastigação em pacientes Classe III esquelética submetidos a tratamento ortodôntico-cirúrgico

Processo: 10/08185-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Anatomia
Pesquisador responsável:Fausto Berzin
Beneficiário:Rosario Martha de La Torre Vera
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Dor   Eletromiografia   Biomecânica   Cirurgia ortognática   Cefalometria

Resumo

As maloclusões de classe III esquelética apresentam como características determinantes o mau relacionamento entre as bases ósseas, podendo ser em função da deficiência do desenvolvimento maxilar, do excesso de crescimento mandibular, ou da combinação de ambos. Os objetivos do presente trabalho serão 1) Avaliar as variações cefalométricas decorrentes do tratamento de cirurgia ortognática em indivíduos com maloclusões de classe III esquelética. 2) Avaliar as características eletromiográficas na isotonia e isometria (parte anterior do temporal e porção media do masseter) bilateralmente. Na avaliação das características eletromiográficas as seguintes variáveis serão consideradas: raiz quadrada da média (RMS) normalizada e não normalizada, freqüência mediana (FMed) e envoltória linear (ƒenv ). 3) Comparar as variações da atividade muscular entre os lados direito e esquerdo (simetria) do temporal e masseter nos diferentes movimentos mandibulares (isotonia e isometria). 4) Avaliar a correlação entre a atividade eletromiográfica e as variações angulares das grandezas cefalométricas. 5) Avaliar a associação entre a sintomatologia dolorosa e a eletromiografia. Todas estas preposições serão avaliadas pré e pós cirurgía ortognática. Serão selecionados 20 voluntários submetidos à cirurgia ortognática de recuo mandibular, pela técnica de osteotomia sagital dos ramos mandibulares e avanço de maxila (Lefort I). As radiografias para as cefalometria serão obtidas em dois períodos pré cirurgia (1 a 3 dias antes = T0rx) e pós cirurgia (6 e 12 meses, T1rx e T2rx respectivamente). Para a eletromiografía serão avaliados os sinais elétricos também em dois períodos: pré cirúrgico (2 a 3 meses = T0emg ) e pós (6 e 12 meses, T1emg e T2emg respectivamente). A sintomatologia dolorosa será avaliada pelo questionário do RDC (Reseach Diagnostic Criteria) eixo I, aplicado pré (T0) e pós cirurgia (T2) ortognática. A associação será avaliada também em dois períodos pré e pós cirurgia ortognática (T0 e T2 respectivamente). Neste estudo será aplicada a estatística descritiva para calcular as médias aritméticas e desvios padrão, valores mínimos e máximos de cada uma das avaliações eletromiográficas e mensurações cefalométricas pré e pós-cirurgia. A normalidade dos dados será verificada pelo teste de Shapiro-Wilks. Se os dados apresentarem distribuição normal, será aplicada a análise de variância com medidas repetidas para as devidas comparações, com o teste de Tukey como post-hoc para comparações múltiplas das medidas eletromiográficas e cefalométricas nos diferentes períodos. Para a análise de correlação entre a EMG e as grandezas cefalométricas será utilizado o coeficiente de correlação de Pearson. Para a análise da associação entre a EMG a sintomatologia dolorosa será utilizada o qui-quadrado ou teste exato de Fisher. Se os dados não apresentarem distribuição normal serão transformados e se após não atingirem a distribuição normal testes não paramétricos serão aplicados. Todas as análises serão realizadas por meio do software SAS com a probabilidade de erro de tipo I estabelecido em um nível de 5% (p<0,05).

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
VERA, Rosario Martha de La Torre. Study of temporomandibular disorders and electromyographic behavior of masseter and temporal muscles before and five years after ortognathic surgery in patients with mandibular prognathism. 2014. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Odontologia de Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.