Busca avançada
Ano de início
Entree

"estudos in vitro e in vivo do metabolismo dos compostos majoritários presentes no extrato das folhas de Lychnophora salicifolia Mart. (Asteraceae: Vernonieae)"

Processo: 10/09137-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2010
Vigência (Término): 30 de setembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Norberto Peporine Lopes
Beneficiário:Dayana Rubio Gouvea
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/51812-0 - Desenvolvimento de uma plataforma para o estudo do metabolismo in vivo e in vitro de produtos naturais, uma necessidade para o sistema de ensaios pré-clínicos, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Absorção   Metabolismo   Produtos naturais   Química de produtos naturais

Resumo

A espécie Lychnophora salicifolia Mart. é conhecida popularmente como arnicão, e seu uso etnobotânico frequente é o mesmo observado para a falsa arnica ou arnica da serra (Lychnophora ericoides Mart.) como anti-inflamatório e analgésico. A vicenina-2 é um flavonoide C-glicosilado presente em grande quantidade no extrato hidroalcóolico das folhas de Lychnophora salicifolia. Essa molécula já foi estudada e apresentou ação antiinflamatória e antioxidante. Outra substância também majoritária nesse extrato, o ácido lychnofólico, é um dos responsáveis pela ação antibacteriana, além de ser responsável pela ação antifúngica e ação tripanocida do extrato. Sabendo-se da importância crescente dos produtos naturais, e a dificuldade do uso dos compostos isolados devido ao alto custo envolvido no isolamento e purificação das substâncias e da necessidade de estudos mais completos nessa área, este trabalho visa o estudo em conjunto desses dois compostos majoritários do extrato de L. salicifolia, com propriedades distintas a fim de compararmos os resultados obtidos e incrementar o estudo do metabolismo dos principais compostos presentes no extrato. Dessa forma será estudado tanto o metabolismo in vitro dessas substâncias utilizando microssomas hepáticos de ratos e humanos, e reações com metaloporfirinas para a obtenção de padrões para identificação dos metabolitos formados. Também será avaliada a permeabilidade aparente utilizando células Caco-2 como modelo de avaliação da possível absorção dos compostos em seres humanos além do estudo do perfil farmacocinético das mesmas em ratos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GOUVEA, DAYANA R.; BUQUI, GABRIELA A.; LOPES, JOAO LUIS C.; DINIZ, ANDREA; LOPES, NORBERTO P. An UPLC-MS/MS Method for Determination of Vicenin-2 and Lychnopholic Acid in Rat Plasma and its Application to a Pharmacokinetic Study. Journal of the Brazilian Chemical Society, v. 28, n. 3, SI, p. 427-434, MAR 2017. Citações Web of Science: 0.
GOUVEA, DAYANA RUBIO; BELLO RIBEIRO, ARTHUR DE BARROS; THORMANN, URSULA; LOPES, NORBERTO PEPORINE; BUTTERWECK, VERONIKA. Evaluation of Intestinal Permeability of Vicenin-2 and Lychnopholic Acid from Lychnophora salicifolia (Brazilian Arnicao) Using Caco-2 Cells. Journal of Natural Products, v. 77, n. 3, p. 464-471, MAR 2014. Citações Web of Science: 5.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DAYANA RUBIO GOUVEA. Estudos in vitro e in vivo do metabolismo dos compostos majoritários presentes no extrato das folhas de Lychnophora salicifolia Mart. (Asteraceae: Vernonieae). 2013. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.