Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do resveratrol e do 2-metoxiestradiol em linhagens de melanoma humano em modelos de monocamada e de pele reconstituída

Processo: 10/50300-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 31 de outubro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Silvya Stuchi Maria-Engler
Beneficiário:Renato Ramos Massaro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/05732-7 - Efeito do 2-metoxiestradiol na citotoxicidade e quimiorresistência de linhagens de melanoma humano, BE.EP.DR
Assunto(s):Matriz extracelular   Melanoma   Expressão gênica   Autofagia   Pele artificial

Resumo

O melanoma, a forma mais mortal de câncer de pele. O tratamento é ineficaz e a busca de compostos que induzam morte celular ou inibem invasão tumoral é essencial. Compostos anti e pró-oxidantes são capazes de induzir morte celular por apoptose e autofagia; ou ter efeito anti-proliferativo e inibir a invasão tumoral. Por outro lado, as células do melanoma maligno são quimioresistentes devido à ativação da autofagia e por mutações genéticas. O resveratrol é um polifenol com poder antioxidante e mostrou ter efeitos anti-carcinogênicos em diversos tipos de tumor, porém, esses efeitos ainda não foram explorados em melanomas metastáticos humanos. Da mesma forma, o 2-metoxiestradiol, é um metabólito que gera stress oxidativo, e em muitos casos verificou-se que possui efeito pró-apoptótico. Em melanomas nunca foi realizado estudo do seu efeito em comparação com células normais da pele, assim como não é possível encontrar dados sobre a indução de autofagia ou inibição de invasão por este composto nesse tipo de tumor. Além disso, estudos sobre o efeito de compostos são realizados em linhagens de melanoma cultivadas em monocamada. Assim, o modelo de pele artificial nos ajudará a verificar o papel destes compostos não somente no estudo do melanoma, onde pouco é sabido, mas também em um ambiente bio-mimético contendo as demais células constituintes da pele. Desta forma, é de grande importância verificar o efeito dos compostos anti e pró-oxidantes aqui abordados da forma proposta nesse projeto. Além de elucidar a resposta celular do melanoma a.essas drogas, verificando indução de morte, efeito na proliferação e invasão tumoral, pretendemos ir além, mostrando o efeito desses compostos no âmbito tecidual, na presença da matriz-extracelular e de células normais reconstituindo e mimetizando a pele. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MASSARO, R. R.; FAIAO-FLORES, F.; REBECCA, V. W.; SANDRI, S.; ALVES-FERNANDES, D. K.; PENNACCHI, P. C.; SMALLEY, K. S. M.; MARIA-ENGLER, S. S. Inhibition of proliferation and invasion in 2D and 3D models by 2-methoxyestradiol in human melanoma cells. PHARMACOLOGICAL RESEARCH, v. 119, p. 242-250, MAR 2017. Citações Web of Science: 6.
REBECCA, VITO W.; MASSARO, RENATO R.; FEDORENKO, INNA V.; SONDAK, VERNON K.; ANDERSON, ALEXANDER R. A.; KIM, EUNJUNG; AMARAVADI, RAVI K.; MARIA-ENGLER, SILVYA S.; MESSINA, JANE L.; GIBNEY, GEOFFREY T.; KUDCHADKAR, RAGINI R.; SMALLEY, KEIRAN S. M. Inhibition of autophagy enhances the effects of the AKT inhibitor MK-2206 when combined with paclitaxel and carboplatin in BRAF wild-type melanoma. PIGMENT CELL & MELANOMA RESEARCH, v. 27, n. 3, p. 465-478, MAY 2014. Citações Web of Science: 29.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.